Mercado fechará em 6 h 33 min
  • BOVESPA

    109.951,49
    +2.121,77 (+1,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.125,01
    -210,50 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,33
    -0,14 (-0,18%)
     
  • OURO

    1.894,30
    +3,60 (+0,19%)
     
  • BTC-USD

    22.687,62
    -485,80 (-2,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    522,69
    -14,21 (-2,65%)
     
  • S&P500

    4.117,86
    -46,14 (-1,11%)
     
  • DOW JONES

    33.949,01
    -207,68 (-0,61%)
     
  • FTSE

    7.944,05
    +58,88 (+0,75%)
     
  • HANG SENG

    21.624,36
    +340,84 (+1,60%)
     
  • NIKKEI

    27.584,35
    -22,11 (-0,08%)
     
  • NASDAQ

    12.681,50
    +136,25 (+1,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,6064
    +0,0390 (+0,70%)
     

Twitter Blue finalmente chega ao Android, mas mais caro que no PC

O Twitter Blue finalmente foi disponibilizado no app para Android. A assinatura chega aos usuários do sistema do Google com o mesmo preço do iOS, US$ 11 (R$ 58, em conversão direta), provavelmente para compensar a cobrança da comissão da Play Store.

Os detalhes sobre a assinatura foram publicados na página “Sobre” do Twitter Blue. Lá, a companhia precificou o pacote em todos os países em que o serviço está disponível: Canadá, Austrália, Estados Unidos, Reino Unido, Nova Zelândia e Japão (nenhum outro foi adicionado à lista).

O Twitter Blue do Android é tão caro quanto a assinatura oferecida no app para iOS (Imagem: Reprodução/Twitter)
O Twitter Blue do Android é tão caro quanto a assinatura oferecida no app para iOS (Imagem: Reprodução/Twitter)

Inicialmente, o Twitter Blue havia sido lançado exclusivamente no iOS. O programa foi retirado do ar após criar uma bagunça de contas falsas e colocar o Twitter na mira de órgãos judiciais. O serviço foi relançado em dezembro, junto a um novo sistema de selos de verificação coloridos.

A versão retrabalhada do Twitter Blue traz todas as vantagens originais do serviço mais os recursos anunciados por Elon Musk: assinantes ganham o selo de verificação azul ao lado do nome, podem editar tuítes, experimentar funções em desenvolvimento, aplicar temas diferenciados na interface e personalizar o ícone do aplicativo (somente no iOS).

Twitter Blue mais caro no Android

Assim como no iOS, o Twitter Blue no Android é mais caro na comparação com o PC. O serviço custa US$ 3 a mais que o valor base, US$ 8 (R$ 40). A diferença no preço do serviço deve ser uma medida para compensar a perda com a comissão de 30% da Play Store.

Usuários de Android já podiam contratar o serviço (e ter o tão esperado selo de verificação atrelado à conta) pelo navegador — inclusive, pagando menos. Portanto, a novidade da vez é só a possibilidade de contratar a assinatura direto pelo app para celular.

Serviço segue indisponível no Brasil

Atualmente, o Twitter Blue está indisponível no Brasil. O serviço não pode ser contratado por usuários brasileiros e não há previsão de quando ele será lançado no país.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: