Mercado fechará em 1 h 25 min
  • BOVESPA

    114.120,05
    +1.837,77 (+1,64%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,91
    +180,57 (+0,35%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,31
    +1,08 (+1,50%)
     
  • OURO

    1.750,90
    -27,90 (-1,57%)
     
  • BTC-USD

    44.842,63
    +999,75 (+2,28%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.124,67
    +15,75 (+1,42%)
     
  • S&P500

    4.459,59
    +63,95 (+1,45%)
     
  • DOW JONES

    34.833,36
    +575,04 (+1,68%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.510,98
    +289,44 (+1,19%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.326,50
    +163,00 (+1,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2239
    +0,0151 (+0,24%)
     

TSMC ultrapassa Tencent e Alibaba e se torna a empresa mais valiosa da Ásia

·2 minuto de leitura

Uma nova análise de mercado aponta que a fabricante de semicondutores TSMC ultrapassou a Tencent e a Alibaba na lista de empresas mais valiosas da Ásia e ocupa, agora, a primeira posição no ranking. Segundo o estudo levantado, a empresa taiwanesa foi beneficiada pelo movimento de órgãos reguladores chineses e pelo seu crescimento em meio à crise no mercado dos componentes.

Os dados foram organizados pela Refinitiv Eikon e revelam que agora a TSMC é avaliada em mais de US$ 538 bilhões, enquanto a Tencent fica um pouco abaixo, com cerca de US$ 536 bilhões e a Alibaba fica em terceiro, com aproximadamente US$ 472 bilhões.

Tencent e Alibaba perdem valor após novas regulamentações na China

(Imagem: Divulgação/Alibaba)
(Imagem: Divulgação/Alibaba)

Essa movimentação no pódio das empresas mais valiosas na Ásia é justificada, entre outros fatores, pelas novas regras impostas pelo governo chinês para acabar com práticas anticompetitivas no mercado de internet no país, o que acabou por prejudicar tanto a Tencent — empresa que controla, por exemplo, o game League of Legends — e a Alibaba, que é dona da popular loja online AliExpress.

Segundo as informações, as empresas perderam mais de US$ 20 bilhões cada após a regulamentação imposta pelo governo chinês na última terça-feira (17), o que impactou na avaliação de ambas no mercado. As novas normas determinadas visam acabar com a competição desleal na internet no país.

TSMC apresenta crescimento durante crise no fornecimento de semicondutores

(Imagem: Divulgação/TSMC)
(Imagem: Divulgação/TSMC)

Enquanto as chineses perderam posição no mercado devido a legislação local, a taiwanesa, por outro lado, continua a apresentar crescimento e aproveitar a crise no fornecimento de semicondutores.

A TSMC — que acumula clientes importantes como Apple, Qualcomm e Nvidia — anunciou, ainda, um investimento de US$ 100 bilhões ao longo dos próximos três anos, valor que deverá aumentar a capacidade da companhia, segundo informações a Reuters.

A companhia ainda registrou um crescimento de 6% desde o início deste ano. Além dos clientes mencionados acima, a fabricante também se beneficiou pela alta demanda no mercado de automóveis e data centers.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos