Mercado fechado

Trump: Vejo acordo com a China de forma diferente de três meses atrás

Presidente americano voltou a culpar Pequim pela covid-19 e chamou o vírus de “praga chinesa” O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a criticar a China nesta sexta-feira e afirmou que não vê o acordo comercial firmado em janeiro do mesmo jeito que via no momento de sua assinatura.

“Acho que vejo o acordo comercial [de forma] um pouco diferente de como que há três meses”, afirmou Trump durante entrevista coletiva na Casa Branca. “Seria bom que nos déssemos bem com a China. Não sei se isso vai acontecer”.

Donald Trump

Evan Vucci/AP

Trump reiterou as críticas sobre a resposta inicial da China à pandemia de covid-19, disse que Pequim deveria ter contido a propagação da doença na origem e chamou o novo coronavírus de “praga chinesa”.

Em abril, o presidente americano chegou a dizer que o novo coronavírus foi criado dentro de um laboratório chinês. A afirmação foi negada pelo Escritório do Diretor de Inteligência Nacional dos EUA.

As relações entre os dois países enfrentam um dos piores momentos da história, com trocas de acusações por causa da pandemia e discussões sobre a autonomia de Hong Kong. Na semana passada, a China decidiu impor uma nova lei de segurança nacional sobre a cidade.