TRT julga ilegal greve na refinaria Abreu e Lima

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 6ª Região, com sede em Recife (PE), julgou na terça-feira (13) ilegal a greve de trabalhadores nas obras da refinaria Abreu e Lima (Rnest) e Petroquímica de Suape, iniciada em 30 de outubro. O complexo pertence à Petrobras.

O presidente do TRT-PE, desembargador André Gen, julgou como abusivo o movimento grevista e determinou a volta ao trabalho a partir desta quarta-feira, sob pena de multa diária de R$ 5 mil.

Quanto ao pedido de equiparação salarial, o processo foi extinto sem apreciação do mérito.

Carregando...