Mercado abrirá em 9 h 49 min
  • BOVESPA

    121.241,63
    +892,84 (+0,74%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.458,02
    +565,74 (+1,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,32
    -0,04 (-0,08%)
     
  • OURO

    1.839,60
    +9,70 (+0,53%)
     
  • BTC-USD

    36.939,60
    0,00 (0,00%)
     
  • CMC Crypto 200

    723,39
    -11,75 (-1,60%)
     
  • S&P500

    3.768,25
    -27,29 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    30.814,26
    -177,24 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.720,65
    -15,06 (-0,22%)
     
  • HANG SENG

    29.301,43
    +438,66 (+1,52%)
     
  • NIKKEI

    28.587,89
    +345,68 (+1,22%)
     
  • NASDAQ

    12.884,25
    +82,00 (+0,64%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4019
    +0,0066 (+0,10%)
     

Troca de tiros deixa um policial morto e outro ferido em Duque de Caxias

Extra
·1 minuto de leitura

Um policial morreu e outro ficou ferido após tiroteio com bandidos, na manhã deste domingo, em Duque de Caxias. A ação aconteceu na Rodovia Washington Luiz, próximo à Avenida Brasil. De acordo com a PM, após alerta de roubo de carga em andamento, policiais militares do 15ºBPM (Duque de Caxias) fizeram cerco tático na via. Ao tentar realizar a abordagem a um veículo suspeito, a equipe foi atacada pelos criminosos. Dois policiais foram atingidos e socorridos ao Hospital Municipal Moacyr do Carmo. O soldado Paulo Roberto dos Santos Ferreira Junior, de 36 anos, não resistiu aos ferimentos. O outro policial foi atingido no braço e levado ao Hospital de Saracuruna.

Ainda segundo a PM, os criminosos fugiram para a Avenida Brasil. Policiais do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE), então, iniciaram um cerco tático e localizaram um veículo com as características informadas via rádio. Na tentativa de fugirem novamente, os suspeitos bateram com o veículo em uma mureta, abandonaram o carro e seguiram para o interior da comunidade Parque União. Na ação, um automóvel foi recuperado.

O soldado Paulo Roberto era lotado no 15ºBPM e estava na corporação desde 2019. Ele deixa esposa e duas filhas. Até o momento, não há informação de horário e local do velório. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense investiga o caso.