Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    61.019,93
    -1.271,73 (-2,04%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

Tripulantes da Inspiration4 tiveram "dificuldades" de usar o banheiro no espaço

·2 minuto de leitura

Na semana passada, a SpaceX lançou a missão Inspiration4, a primeira que levou uma tripulação totalmente formada por civis à órbita da Terra. Eles viajaram a bordo da cápsula Crew Dragon, retornaram em segurança no último sábado (18) e declararam que adoraram a experiência — mas parecem ter passado por alguns inconvenientes com um dos aspectos menos glamourosos dos voos espaciais: o uso do banheiro no espaço.

Durante os três dias da missão, a tripulação realizou experimentos e coletou dados para estudos dos efeitos dos voos espaciais no corpo humano, e tudo correu bem. Entretanto, parece ter ocorrido um pequeno problema no banheiro da nave Crew Dragon. “Foi uma missão muito limpa do começo ao fim”, comentou Benji Reed, líder dos programas de voos espaciais tripulados na SpaceX. “Tivemos alguns problemas que resolvemos, fizemos um trabalho no Waste Management System ("Sistema de Gerenciamento de Dejetos", em tradução literal), mas tudo funcionou e a tripulação estava saudável e feliz”, finalizou.

Foto que mostra detalhe do banheiro da Crew Dragon (Imagem: Reprodução/Thomas Pesquet/Twitter)
Foto que mostra detalhe do banheiro da Crew Dragon (Imagem: Reprodução/Thomas Pesquet/Twitter)

Ainda não se sabe exatamente o que aconteceu com o banheiro da espaçonave, mas já se sabe que houve uma anomalia no ventilador de sucção, um componente que faz a remoção de dejetos. Logo, não é difícil imaginar o que pode ter acontecido, ainda que detalhes concretos não tenham sido revelados. Como as outras tripulações que viajaram com a Crew Dragon seguiram rumo à Estação Espacial Internacional, seus dejetos ficaram por lá por cerca de 24 horas; contudo, a tripulação da Inspiration4 ficou a bordo por três dias, de modo que as instalações provavelmente foram mais utilizadas. O banheiro da Crew Dragon fica próximo do "nariz" da nave, onde uma cúpula foi instalada para a tripulação observar o espaço.

Há uma escotilha lá, mas, segundo Reed, eles tiveram que fechá-la e não puderam aproveitar a vista enquanto "se aliviavam". Não está claro como o banheiro da cápsula funciona, mas o astronauta Thomas Pesquet já publicou anteriormente uma foto do interior da nave e descreveu que "há uma cortina para privacidade, e o restante são questões técnicas... digamos que a única vantagem é a vista", explicou ele na publicação.

Embora os sistemas de banheiros espaciais estejam mais avançados, esse é um momento que continua sendo um dos menos empolgantes no espaço; por isso, como a tripulação ainda não deu detalhes sobre o que aconteceu, a experiência de usar o banheiro da Crew Dragon segue um mistério, apesar da certeza de que alguma coisa deu errado nesse momento não muito agradável.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos