Mercado fechado

Travesseiro de R$ 10 volta a liderar 'liquidação fantástica' do Magalu

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Magazine Luiza, uma das maiores redes de varejo de móveis e eletroeletrônicos do país, realiza nesta sexta-feira (6) a sua "liquidação fantástica", para desovar os estoques do fim do ano.

Os dois produtos mais vendidos na edição deste ano, porém, têm um tíquete-médio bem modesto: travesseiro de R$ 10 da Ortobom e panela de pressão de R$ 25 da Erilar. Na edição da "liquidação fantástica" do ano passado, os produtos eram os mesmos, com ligeira variação de preço: travesseiro a R$ 10 e panela de pressão a R$ 20.

O terceiro produto mais vendido tanto neste ano quanto no ano passado foi a air fryer. O hit de 2023 foi um modelo de 2,4 litros da marca Nell, por R$ 239.

De acordo com o Magalu, até as 17h30 desta sexta, foram vendidos cerca de 315 mil travesseiros Ortobom, 150 mil panelas de pressão Erilar e 21 mil fritadeiras elétricas Nell.

Considerando a categoria air fryer como um todo, foram cerca de 34 mil unidades -mesmo montante de venda de TVs na liquidação deste ano, levando em conta todas as marcas.

Entre as categorias mais vendidas neste ano estão os ventiladores (mais de 60 mil unidades) e os liquidificadores (mais de 55 mil). São produtos mais baratos do que os que ocuparam a quarta e quinta posições em vendas no ano passado: a lavadora Brastemp 12 kg e a smart TV TCL 50 polegadas 4k, respectivamente.

O menor valor do tíquete-médio deste ano, em uma das liquidações de janeiro mais tradicionais do país (a promoção do Magalu está na sua 30ª edição), já pode ser um indício do quanto o brasileiro está receoso em contrair novas dívidas. Prova disso foram as temporadas "mornas" de Black Friday e Natal no final de 2022.

De acordo com a varejista, as lojas físicas venderam, nas três primeiras horas da promoção, 20% a mais do que na "liquidação fantástica" do ano passado.

"Foi uma liquidação fantástica melhor do que esperávamos, até", disse à reportagem Luiz Rego, diretor-executivo comercial do Magalu. "Tivemos crescimento de duplo dígito alto, somando todos os canais", afirmou.

Segundo ele, a empresa se preparou, porque sabe que os clientes confiam na liquidação. "Eles guardam dinheiro o ano todo para comprar sonhos de consumo como TV e lavadora, e ainda aproveitam para levar oportunidade, como travesseiros e panelas."