Mercado fechará em 6 h 42 min

Tratamento de 5 dias de remdesivir custará US$ 2.340, diz Gilead

Robert Langreth

(Bloomberg) -- A Gilead Sciences disse que cobrará do governo dos Estados Unidos e de outros países desenvolvidos US$ 390 por frasco de remdesivir para o combate ao coronavírus, ou US$ 2.340 por um tratamento típico de cinco dias.

Na segunda-feira, a Gilead disse em comunicado que ofereceria esse preço a países desenvolvidos do mundo inteiro a fim de criar um modelo de preço único para evitar a necessidade de negociações país por país que pudessem desacelerar o acesso.

“Queríamos garantir que nada impedisse o remdesivir de chegar aos pacientes”, disse o CEO da Gilead, Daniel O’Day, em entrevista. O preço “garantirá que todos pacientes no mundo inteiro tenham acesso a este medicamento”.

O preço de US$ 390 por frasco se aplica a entidades governamentais. Quando a oferta for ampliada e a Gilead começar a vender o medicamento em canais de distribuição normais, o preço de tabela para companhias de seguros privadas e outros clientes comerciais nos EUA será de US$ 520 por frasco, ou US$ 3.120 por um período de cinco dias.

O remdesivir é um dos primeiros medicamentos amplamente utilizados contra a Covid-19. O medicamento recebeu autorização de uso emergencial de órgãos reguladores dos EUA em maio, depois que um grande estudo revelou que o fármaco acelerou a recuperação em cerca de quatro dias de pacientes hospitalizados. Centenas de tratamentos e vacinas estão em desenvolvimento globalmente em meio à corrida de pesquisadores para encontrar maneiras de deter a pandemia que infectou mais de 10 milhões de pessoas e matou mais de 500 mil.

A empresa sugeriu que poderia cobrar mais com base no valor fornecido pelo medicamento, a típica abordagem usada por farmacêuticas ao fixar preços para terapias inovadoras. A empresa argumentou que o remdesivir poderia economizar US$ 12 mil por paciente ao permitir que pessoas recebam alta dos hospitais mais rapidamente. Mas a empresa decidiu por um preço mais baixo para garantir que todos países desenvolvidos possam pagar.

Equilíbrio

Algumas estimativas apontam que o remdesivir seria rentável por até US$ 4.500 para um período de tratamento. Outras organizações, como o grupo de direitos do consumidor Public Citizen, disseram que o medicamento deveria custar apenas US$ 1 por dia, com base em cálculos de que poderia ser fabricado em escala por farmacêuticas de medicamentos genéricos por esse valor.

Na entrevista, O’Day disse que US$ 1 por dia “não era um preço realista”.

O’Day disse que determinar o preço do medicamento foi um ato de equilíbrio. Por um lado, a pandemia avança e não há cura. Por outro, a empresa é uma entidade com fins lucrativos que fez um enorme investimento na fabricação de grandes quantidades do medicamento rapidamente, além de desenvolver novas versões mais fáceis de administrar.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2020 Bloomberg L.P.