Mercado fechado

As 3 contratações que Joan Laporta pretende fazer se assumir como presidente do Barcelona

Rodrigo Salomao
·2 minuto de leitura

O Barcelona decidiu fazer muitas mudanças na última janela após terminar em segundo lugar na LaLiga e ser humilhado na Champions League. A "revolução" foi mais para se desfazer de diversos nomes do elenco do que por contratações propriamente ditas. A bem da verdade, para a torcida o melhor reforço foi a saída de Bartomeu da presidência. Mas quem assume? Na mesa estão muitas propostas e entre os candidatos mais populares que os torcedores gostam está o retorno de Joan Laporta, antigo (e vitorioso) mandatário do clube.

A primeira contratação dele, antes de qualquer outra, seria a vinda de um treinador de alto nível, como Pep Guardiola:

"Gostaria muito de que Guardiola voltasse a Barcelona. No momento certo, conversarei com a pessoa que pensamos que deveria ser um treinador do Barça de 2021", já afirmou anteriormente.

(Form L to R) Barcelona's vicepresident | AFP/Getty Images
(Form L to R) Barcelona's vicepresident | AFP/Getty Images

Ele também garantiu que poderia ir atrás de Neymar. Em entrevista ao Diario Sport, garantiu que "Neymar seria repatriado seguramente", acrescentando também que não descartaria a vinda de Xavi como treinador como uma possibilidade.

Por último, o pré-candidato nutre a esperança de assinar com Kylian Mbappé. Laporta estaria se referindo à chegada do francês como uma promessa se ele ganhar as eleições. É o tipo de presidente que promove essas questões, como aconteceu no período eleitoral na época em que Ronaldinho Gaúcho foi contratado há 16 anos apesar do interesse do Real Madrid.

A boa notícia para os catalães é que Joan garantiu Messi:

"Ele não terá problemas para renovar, embora eu entenda que como capitão ele está chateado. Se eu fosse um jogador do Barcelona, ​​também não ficaria feliz", concluiu.