Mercado fechará em 5 h 26 min
  • BOVESPA

    127.807,44
    -249,78 (-0,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.005,84
    -196,96 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,05
    +1,01 (+1,42%)
     
  • OURO

    1.773,10
    -1,70 (-0,10%)
     
  • BTC-USD

    36.787,89
    -2.086,01 (-5,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    906,77
    -33,17 (-3,53%)
     
  • S&P500

    4.182,73
    -39,13 (-0,93%)
     
  • DOW JONES

    33.372,76
    -450,69 (-1,33%)
     
  • FTSE

    7.026,30
    -127,13 (-1,78%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9876
    +0,0251 (+0,42%)
     

Três autoridades de política monetária do BCE defenderam reduzir estímulos em reunião

·1 minuto de leitura

FRANKFURT (Reuters) - Três autoridades do Banco Central Europeu (BCE) queriam reduzir o ritmo das compras emergenciais de títulos da instituição em reunião nesta quinta-feira, citando uma perspectiva melhor para o crescimento e a inflação, disseram duas fontes à Reuters.

O BCE elevou sua perspectiva de crescimento e inflação na reunião, mas prometeu manter um amplo fluxo de estímulo, temendo que um recuo agora acelere um aumento preocupante nos custos de empréstimos e sufoque a recuperação.

As fontes disseram que três formuladores de política monetária no Conselho de 25 membros defenderam o abrandamento do Programa de Compra de Emergência da Pandemia (PEPP) do BCE, a principal plataforma de sua resposta à pandemia de coronavírus, à luz das melhores perspectivas.

Alguns também enfatizaram que a baixa liquidez do mercado durante os meses de verão significa que o BCE precisa permanecer flexível na forma como realiza suas compras de títulos.

Um porta-voz do BCE não quis comentar.

Os dissidentes acabaram cedendo, no entanto, e a declaração da presidente do BCE, Christine Lagarde, que contém as principais informações sobre a política e as previsões econômicas do BCE, foi aprovada rapidamente.

O comunicado diz que o PEPP "continuará a ser conduzido em um ritmo significativamente maior do que durante os primeiros meses do ano", repetindo a linguagem que o BCE introduziu quando iniciou o programa em março.

O BCE comprou cerca de 80 bilhões de euros em dívida por mês sob o PEPP neste trimestre, ante cerca de 62 bilhões de euros no primeiro trimestre.

Lagarde disse em sua coletiva de imprensa que havia "um par de pontos de vista divergentes e não um consentimento unânime em toda a linha".

(Por Francesco Canepa)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos