Mercado abrirá em 59 mins

Toyota Yaris ganha novo motor 1.2 capaz de 23,3 km/litro na Tailândia

feedback@motor1.com (Thiago Parísio)
Toyota Yaris 1.2 2020 (Tailândia)

De quebra, a potência subiu de 82 para 92 cv

Uma das principais atrações do Salão do Automóvel da Tailândia (Thailand Motor Expo) é o Toyota Yaris com nova motorização. Com leves diferenças visuais em relação ao modelo produzido em Sorocaba (SP) - cujo projeto se baseia no modelo tailandês - , o compacto estreia uma nova geração do motor 1.2 aspirado, atualizada para atender às novas normas de consumo e emissões daquele país. 

Toyota Yaris 1.2 2020 (Tailândia)
Toyota Yaris 1.2 2020 (Tailândia)

O atual 3NR-FE de 1.2 litro dá lugar ao novo 3NR-FKE. Embora mantenha a mesma capacidade cúbica, o propulsor passa a ter variador de fase elétrico (Dual VVT-iE) para os comandos de admissão e escape, além de uma taxa de compressão elevada de 11,5:1 para 13,5:1. Equipado de série com sistema stop-start que desliga o motor em paradas curtas, o destaque fica para o consumo de até 23,3 km/litro. Mas também houve ligeiro ganho de força: a potência subiu de 86 para 92 cv e o torque aumentou de 11 para 11,1 kgfm. O câmbio é sempre automático com relações variáveis, agora chamado de Super CVT-i.

Mais do Yaris:

A oferta de versões foi reduzida de cinco para três, com as opções Entry, Mid e High (entrada, média e topo). A lista de equipamentos, tanto para o hatch quanto para o sedã, contempla controles de tração e estabilidade, ABS e assistente de partida em rampa. Airbags vão dos frontais tradicionais até sete bolsas no total (incluindo laterais, de cortina e para o joelho do motorista), dependendo da versão. O Kit Cross Line é vendido como acessório para o hatch e o deixa com visual aventureiro semelhante ao oferecido na versão brasileira X-Way. 

Toyota Yaris 1.2 2020 (Tailândia)

No Brasil, o Yaris é ofertado nas versões hatch com motor 1.3 (101 cv) e 1.5 (110 cv), e sedã 1.5, com câmbio manual de 6 marchas ou câmbio automático CVT que simula 7 marchas. Maior novidade da linha 2020 também foi uma troca de motor, mas no caso entre os já existentes. A versão XL Plus, que vinha com o 1.3, passou a trazer o 1.5, restando o menos potente apenas para o modelo XL Live. Preços vão de R$ 66.490 a R$ 85.990.

Fotos: Paultan.org