Mercado fechará em 2 h 57 min

Toyota suspende produção em todas as suas fábricas brasileiras

br.info@motor1.com (Leo Fortunatti)
Toyota Etios - 500 mil unidades em Sorocaba (SP)

Previsão de retorno é em 6 de abril, podendo ser prorrogada

Seguindo o que foi feito pela Chevrolet, Volkswagen e Ford, a Toyota também suspendeu as operações em suas fábricas atendendo as solicitações das autoridades para conter o coronavírus. "Tomamos decisões com base na segurança de nossos funcionários e outros stakeholders e em consideração às pessoas que atualmente lidam com esse surto, além de seguir as diretrizes das autoridades locais", disse a marca em comunicado oficial. 

A Toyota tem fábricas em Sorocaba, Porto Feliz, Indaiatuba e São Bernardo do Campo, todas no estado de São Paulo, um dos mais atingidos pelo coronavírus. Todas terão as operações suspensas de 24 de março a 06 de abril, prazo que pode ser prorrogado dependendo da situação do surto no país e na região. 

Veja também

A paralisação acontece não apenas para evitar a aglomeração de pessoas, mas também pela baixa quantidade de componentes importados em estoque pela paralisação das fábricas de fornecedores dentro e fora do Brasil e os problemas logísticos que devem aparecer nas próximas semanas. O mercado brasileiro também deve ter uma queda considerável de vendas até o fim desta fase do surto. 

Toyota vai produzir o Corolla na fábrica de Sorocaba em 2016

Toyota vai produzir o Corolla na fábrica de Sorocaba em 2016 Em Indaiatuba (SP), é produzido o Corolla desde o final dos anos 1990

Fábrica Toyota - Indaiatuba (SP)

A fábrica de Porto Feliz é a responsável pelos motores 1.3 e 1.5 do Yaris, Yaris Sedan, Etios e Etios Sedã. Estes, são produzidos em Sorocaba, próximo a Porto Feliz, enquanto o Corolla continua sendo produzido em Indaiatuba desde o final dos anos 1990. Lembrando que os demais modelos são importados da Argentina (Hilux e SW4) e Japão (Camry e Rav4 Hybrid).