Mercado abrirá em 2 h 37 min
  • BOVESPA

    110.140,64
    -1.932,91 (-1,72%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.874,91
    -1.144,00 (-2,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,11
    +0,23 (+0,30%)
     
  • OURO

    1.927,60
    -3,20 (-0,17%)
     
  • BTC-USD

    23.444,65
    -333,29 (-1,40%)
     
  • CMC Crypto 200

    535,12
    -10,19 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.179,76
    +60,55 (+1,47%)
     
  • DOW JONES

    34.053,94
    -39,02 (-0,11%)
     
  • FTSE

    7.830,63
    +10,47 (+0,13%)
     
  • HANG SENG

    21.660,47
    -297,89 (-1,36%)
     
  • NIKKEI

    27.509,46
    +107,41 (+0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.625,25
    -221,50 (-1,72%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4899
    +0,0002 (+0,00%)
     

Tinder e aplicativos de namoro darão dicas para evitar cair em golpes

O Match Group, empresa responsável pelo Tinder e outros aplicativos de relacionamento, anunciou nesta terça-feira (10) uma campanha para evitar golpes online. Serão exibidas mensagens e notificações no app ou por e-mail com dicas para se precaver na paquera online.

Além do Tinder, a medida deve afetar também o Hinge, Match, Plenty of Fish, Meetic e OurTime. A maioria desses serviços são pouco conhecidos no Brasil, mas possuem uma base sólida de usuários pelo mundo.

A estratégia deve começar com o Tinder e com o Meetic, muito popular na França, com intuito de alertar as pessoas para comportamentos a serem observados. Segundo a empresa, é preciso garantir que o pretendente tenha foto de perfil verificada e informações verdadeiras.

Uma campanha do Tinder e outros apps de namoro querem evitar que as pessoas caiam em golpes (Imagem: Reprodução/Match Group)
Uma campanha do Tinder e outros apps de namoro querem evitar que as pessoas caiam em golpes (Imagem: Reprodução/Match Group)

Dicas do Match Group para evitar cair em golpes no Tinder

Uma sugestão do Match Group é organizar um bate-papo por vídeo com a pessoa antes de encontrá-la pessoalmente. A conversa também deve fluir naturalmente, sem "forçação de barra" nem pedidos suspeitos, como transferir dinheiro ou pagar contas. Se notar uma atitude estranha ou ver que a pessoa difere da foto, a sugestão é deixar passar.

“Os golpistas geralmente jogam o jogo longo. Eles querem realmente ganhar a confiança da vítima e passam muito tempo conversando com ela. É assim que os golpistas constroem um relacionamento com essa pessoa e a fazem se sentir segura. [Então] eles vão pedir dinheiro para a conta médica de uma criança, visto ou passagem de avião”,

— Buddy Loomis, diretora sênior de operações e investigações policiais do Match Group

Outro caso para ficar de olho são as pessoas que tentam levar a conversa para uma plataforma de terceiros, como o WhatsApp ou o Telegram. Esses sistemas não têm nenhum tipo de moderação, portanto acabam sendo locais excelentes para os golpistas prosperarem.

É impossível não lembrar do caso relatado no documentário O Golpista do Tinder, que fez muito sucesso na Netflix em 2022. Assim como naquele caso, há várias outras situações existentes atualmente nos apps de namoro, onde as pessoas brincam com os sentimentos das outras para tirar vantagem financeira.

Campanha do Tinder não chega ao Brasil

A campanha global será realizada durante o mês de janeiro de 2023 em mais de 15 países ao mesmo tempo: Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Índia, Austrália, Japão, Alemanha, França, Espanha e Itália. Infelizmente, não há previsão de chegada ao Brasil, mas as dicas podem ser bastante úteis também por aqui.

“Uma das grandes mensagens aqui é aumentar a conscientização sobre esse tipo de golpe e remover o estigma de denunciar. Queremos que os membros se sintam seguros e que mais pessoas participem, seja proativo, onde não foram vitimados e tiveram qualquer perda de valor monetário ou depois”

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: