Mercado fechará em 4 h 19 min

Tiktoker faturou R$ 95 milhões em 2021 - mais do que alguns CEOs americanos

·2 min de leitura
Charli D'Amelio arrives at the 2021 iHeartRadio Music Awards at Dolby Theatre in Los Angeles, California, U.S., May 27, 2021. REUTERS/Mario Anzuoni
Charli D'Amelio, influenciadora mais bem paga no TikTok REUTERS/Mario Anzuoni
  • A média salarial anual dos CEOS das gigantes americanas é de R$ 73 milhões;

  • Os 7 influenciadores mais bem pagos acumularam uma fortuna de R $305 milhões em 2021;

  • Charlie D’Amélio recebeu mais que líder executivo do McDonald's.

Você já parou para pensar quanto fatura um influencer do TiTok? A atual líder do ranking dos “tiktokers” mais bem pagos, Charlie D’Amelio, obteve faturamento superior a R $95 milhões no ano passado. O valor supera, inclusive, a média da remuneração anual dos presidentes e líderes de grandes empresas no EUA.

Em janeiro, a revista Forbes publicou o ranking dos influenciadores mais bem pagos através da rede social em 2021. Segundo a publicação, os 7 primeiros acumularam uma fortuna de R $305 milhões no ano passado. O montante representa um crescimento de 200% em relação ao ano de 2020.

Dentre os perfis mais rentáveis destaca-se Charli D'Amelio que começou a postar vídeos de si mesma dançando em 2019. Com cerca de 133 milhões de seguidores, a americana faturou $95 milhões no ano passado. A fortuna vem através de uma linha de roupas e divulgação de produtos, segundo a publicação.

O faturamento expressivo da estrela tiktoker estimulou o Wall Street Jornal, a fazer comparações com a média salarial anual de CEOS de empresas americanas na lista, S&P 500, que reúne as maiores empresas do país na bolsa de de Nova York.

Segundo o jornal especializado em economia e mercado financeiro, o rendimento anual médio dos executivos-chefes chegou a cerca de R$ 73 milhões. Charlie, que recebeu R $95 mi, superou a média dos empresários em cerca de R $25 milhões.

Líderes e chefes de Empresas que receberam menos que Charlie

A remuneração de D'Amelio foi maior do que a de vários CEOs como Darren Woods, da Exxon Mobil, e que recebe cerca R$ 86 milhões, Kevin Johnson da Starbucks, que tem uma remuneração de R$ 81 milhões, e Chris Kempczinski, do McDonald's, que recebe R$ 59 milhões.

Apesar de superar a média, alguns CEOs de gigantes companhias faturaram muito mais que a influenciadora no período. Robert Kotick, que lidera a gigante dos videogames Activision-Blizzard Inc., fatura quase US$ 155 milhões. Na Apple, Tim Cook fatura quase US$ 99 milhões.

Confira o ranking completo dos influenciadores mais bem pagos no ano passado através do TikTok:

  1. Charlie D’Amelio - R$ 95 milhões- 133 milhões de seguidores

  2. Dixie D’Amelio - R$ 55 milhões - 57 milhões de seguidores

  3. Addison Rae - R$ 46 milhões - 86 milhões de seguidores

  4. Bella Poarch - R$ 27 milhões - 87 milhões de seguidores

  5. Josh Richards- R$ 27 milhões - 26 milhões de seguidores

  6. Kris Collins - R$ 26 milhões - 42 milhões de seguidores

  7. Avanni Gregg - R$ 26 milhões - 39 milhões de seguidores

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos