Mercado fechará em 3 h 28 min
  • BOVESPA

    113.610,30
    +327,62 (+0,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,65
    +412,94 (+0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,30
    +1,32 (+1,78%)
     
  • OURO

    1.753,70
    +2,00 (+0,11%)
     
  • BTC-USD

    43.311,11
    -42,26 (-0,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.074,94
    -26,58 (-2,41%)
     
  • S&P500

    4.445,29
    -10,19 (-0,23%)
     
  • DOW JONES

    34.933,19
    +135,19 (+0,39%)
     
  • FTSE

    7.063,40
    +11,92 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    24.208,78
    +16,62 (+0,07%)
     
  • NIKKEI

    30.240,06
    -8,75 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.166,25
    -152,50 (-1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2649
    +0,0093 (+0,15%)
     

TikTok ganha lojas virtuais e acirra ainda mais a briga com o Instagram

·2 minuto de leitura

A disputa palmo a palmo entre TikTok e Instagram ganhou mais um capítulo nesta terça-feira (25). A rede social chinesa anunciou a chegada ao seu aplicativo da guia Shopping, uma mini vitrine para perfis que desejarem vender pelo aplicativo.

Fruto da parceria com a gigante Shopify, as lojas devem oferecer catálogos de produtos e possibilidade de conexão direta com sistemas de pagamento online. Neste momento inicial, a guia será liberada exclusivamente para vendedores do Shopify com conta no TikTok For Business, a versão empresarial da plataforma social.

Assista, clique e compre o seu produto sem sair do TikTok (Imagem: Reprodução/TikTok)
Assista, clique e compre o seu produto sem sair do TikTok (Imagem: Reprodução/TikTok)

O serviço vai funcionar de modo piloto nos Estados Unidos e Reino Unido, com adição do Canadá nas próximas semanas e novas regiões em alguns meses — sem menção direta ao Brasil, por enquanto. Hoje, o Shopify é uma das maiores plataformas de venda do mundo, com possibilidade de criação de sistemas de e-commerce e afiliados, o que faz dela uma escolha perfeita para a rede social.

Outra novidade que chega para complementar a experiência são os links de produtos. Será possível marcar itens à venda nos vídeos normais do TikTok, com direcionamento para a loja online do comerciante em apenas um toque. Gostou daquela blusa lindíssima da influenciadora? É só clicar nela para ver preço e formas de pagamento direto no app.

Briga pela audiência

Essa adição já estava em teste desde maio pelo TikTok, como uma forma de entregar uma solução semelhante à ofertada pelo rival Instagram. A ideia é aproveitar os gatilhos de compra e fazer com que usuários usem seus cartões de crédito no impulso, aquela indicação da sua marca favorita.

Os experimentos do TikTok já mostravam a nova guia Shopping em perfis selecionados (Imagem: Reprodução/The Verge)
Os experimentos do TikTok já mostravam a nova guia Shopping em perfis selecionados (Imagem: Reprodução/The Verge)

O Instagram já adotou o serviço de vendas online e também estuda inserir propagandas nas lojas virtuais. Assim, será possível destacar produtos em vídeos nos Stories e Reels, com links diretos para a guia dedicada às vendas. Resta saber se as grandes companhias já estão convencidas de que investir no TikTok pode trazer bons resultados.

Será que as compras via redes sociais vão conquistar o público? Ou as pessoas não estão dispostas a comprar nada pelas plataformas?

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos