Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.608,76
    -345,14 (-0,35%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.036,38
    +293,23 (+0,61%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,59
    +2,16 (+1,99%)
     
  • OURO

    1.808,90
    +7,40 (+0,41%)
     
  • BTC-USD

    19.908,80
    +581,22 (+3,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    429,24
    +9,10 (+2,17%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,86 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.232,65
    +64,00 (+0,89%)
     
  • HANG SENG

    21.830,35
    -29,44 (-0,13%)
     
  • NIKKEI

    26.153,81
    +218,19 (+0,84%)
     
  • NASDAQ

    11.607,50
    -3,75 (-0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5471
    -0,0116 (-0,21%)
     

Tiktok é o aplicativo popular que mais coleta dados

·1 min de leitura
Tiktok aparece entre os aplicativos que mais coletam dados do usuário (Photo illustration by Jakub Porzycki/NurPhoto via Getty Images)
Tiktok aparece entre os aplicativos que mais coletam dados do usuário (Photo illustration by Jakub Porzycki/NurPhoto via Getty Images)
  • Dentre os dados coletados, estão dados biométricos faciais e vocais do usuário;

  • Tiktok já foi alvo de investigações parlamentares americanas;

  • Maior parte da coleta é feita por rastreadores de terceiros.

Em uma pesquisa feita pela agência de marketing URL Genius, o Toktok, aplicativo popular especialmente entre os jovens, foi classificado como aquele que mais coleta dados dos usuários. Só que ninguém sabe para que.

Diferente de outros aplicativos, como o Youtube por exemplo, que coleta dados referentes a seu histórico de busca e sua localização para melhor recomendar vídeos e propagandas para o usuário, o Tiktok permite que terceiros tenham acessos a seus dados através de seu app.

Pertencente à gigante chinesa ByteDance, o aplicativo tampouco informa para que serve a coleta de dados, o que é uma violação da Lei Geral de Proteção de Dados.

Algo que também espantou os especialistas, é que, no caso do Youtube, dos 14 rastreadores utilizados pelo aplicativo, dez eram da própria empresa, enquanto os outros quatro eram de empresas terceirizadas. Já no caso do Tiktok, dos 14 rastreadores, 13 eram de outras empresas, um nível de acesso por terceiros muito maior.

Dentre os dados coletados pelo Tiktok, estão informações bem sigilosas, como as informações biométricas faciais e da voz dos usuários.

A empresa e sua corporação mãe já foram interrogadas diversas vezes sobre porque o aplicativo pede um número excessivo de permissões, coleta muitos dados, e o que faz com essas informações.

No ano passado, os executivos da empresa foram chamados ao Senado americano para depor perante o subcomitê de Proteção ao Consumidor, Segurança de Produtos e Segurança de Dados. No entanto, a empresa foi bem sucedida em evitar responder às perguntas dos senadores.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos