Mercado fechará em 3 horas 1 minuto

TikTok é proibido no Paquistão acusado de propagar “conteúdo imoral e indecente”

Rubens Eishima
·2 minutos de leitura

O TikTok pode ter driblado o bloqueio determinado pelo governo dos Estados Unidos, mas não teve a mesma sorte no Paquistão. Agência regulatória de telecomunicações no país, a PTA seguiu os passos da vizinha Índia e baniu a rede social de vídeos.

A decisão foi publicada na última sexta-feira (9) e foi tomada, segundo o comunicado oficial da agência, devido a “diversas reclamações de diferentes segmentos da sociedade contra conteúdos imorais/indecentes no aplicativo de vídeos”.

A PTA determinou o bloqueio do TikTok nas lojas de aplicativo do país, mas o comunicado não informou uma data para a entrada em vigor da medida.

A nota menciona que a rede social chinesa “teve tempo considerável para responder e se adequar às instruções da agência” para o desenvolvimento de um mecanismo efetivo para moderar conteúdos ilegais, mas que a empresa não tomou as medidas necessárias.

Nesta segunda-feira (12), as duas partes se reuniram virtualmente para discutir o bloqueio. Representantes do TikTok no país explicaram as medidas em curso para melhorar o controle das postagens. Apesar disso, nem a empresa, nem o governo paquistanês citaram quando as medidas entrarão em vigor ou quando o app será liberado no país.

Polêmicas ao redor da Ásia

Esta não é a primeira vez em que a rede social de vídeos é banida por conteúdos impróprios em um país vizinho da China. Em 2019, a Índia já tinha tomado uma medida semelhante, algo que se repetiu em junho deste ano, desta vez devido a tensões na fronteira entre os países.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: