Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.496,21
    -2.316,66 (-2,04%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.463,26
    -266,54 (-0,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,91
    -0,59 (-0,65%)
     
  • OURO

    1.760,30
    -10,90 (-0,62%)
     
  • BTC-USD

    21.001,47
    -2.197,22 (-9,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    504,88
    -36,72 (-6,78%)
     
  • S&P500

    4.228,48
    -55,26 (-1,29%)
     
  • DOW JONES

    33.706,74
    -292,30 (-0,86%)
     
  • FTSE

    7.550,37
    +8,52 (+0,11%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,81 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.250,00
    -273,25 (-2,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1885
    -0,0253 (-0,49%)
     

‘TikTok para crianças’ recebe investimento da NBA

O Zigazoo é um app de compartilhamento de vídeos para crianças, semelhante ao TikTok (Getty Image)
O Zigazoo é um app de compartilhamento de vídeos para crianças, semelhante ao TikTok (Getty Image)
  • O "Tiktok para crianças" recebeu cerca de US$ 100 milhões em investimentos

  • A NBA foi uma das empresas que decidiu apostar na plataforma

  • O aplicativo cria desafios e atividades para usuários mais novos

Apesar do TikTok ser uma rede social amplamente utilizada pelas crianças ao redor do mundo, o aplicativo estabelece que 13 anos é a idade mínima para poder criar uma conta na plataforma.

Criado para utilizar a onda dos vídeos curtos para estabelecer um espaço seguro para os manos novos, o Zigazoo é um aplicativo de compartilhamento de de conteúdos que cria desafios e atividades para crianças, permitindo que os pequenos compartilhem as respostas na plataforma.

O CEO Zak Ringelstein diz que, atualmente, mais de um milhão de pessoas utilizam o app. Talvez seja por isso que a Associação Nacional de Basquete dos Estados Unidos (NBA) resolveu investir na plataforma.

De acordo com o Bloomberg, a rodada de financiamento avaliou a empresa em cerca de US$ 100 milhões. Dentro do aporte, a Liberty City Ventures liderou o investimento de US$ 17 milhões, seguida da Causeway Media Partners, da Dapper Labs e da empresa de mídia alemã OneFootball.

Ringelstein explicou que usará o capital para desenvolver mais ferramentas de criação, além de investir em um marketplace para produtos digitais e expandir para “setores tecnológicos emergentes”, como a realidade aumentada e o metaverso.

Dois meses atrás, a rede social passou a vender tokens não fungíveis com a Moonbug Entertainment, que detém a patente de famosos programas infantis.

Atualmente, o Zigazoo está visando a indústria da música como próxima etapa. A plataforma pretende fechar acordos com artistas e gravadoras.

“Uma das maiores oportunidades neste espaço é criar relacionamentos de longo prazo não só com a música para crianças, mas também com a música pop”, disse Ringelstein ao Bloomberg.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos