Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    61.294,10
    +3.942,14 (+6,87%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

TicWatch Pro X é anunciado com tela dupla e modo para 45 dias de uso

·2 minuto de leitura

Procurando um smartwatch? Uma nova opção está chegando, ao menos para o mercado chinês. A Mobvoi, que foi a primeira a lançar relógios inteligentes com o Snapdragon Wear 4100, está botando um novo vestível premium nas prateleiras.

Falamos do TicWatch Pro X, modelo com visual e recursos flagship. Para começar, ele traz tela dupla como é comum em modelos mais caros da empresa. Funciona assim: por baixo temos um painel AMOLED de 1,39 polegadas com densidade de 326 PPI. Mas para funções básicas, como visualização das horas, batimentos cardíacos, distância percorrida e outras métricas, uma tela secundária LCD monocromática — com iluminação colorida — entra em ação para preservar a bateria.

(Imagem: Divulgação/Mobvoi)
(Imagem: Divulgação/Mobvoi)

Ele também oferece o SoC Snapdragon Wear 4100, compatível com o Wear OS 3 do Google. Porém, sairá de fábrica com a versão 2.0 do sistema. Por enquanto, o único smartwatch no mercado com a nova versão é o Galaxy Watch 4 — e sua versão Classic —, que ao menos nesses modelos contou com um mix de recursos da gigante de buscas e da própria Samsung.

Chama a atenção que a empresa promete uma duração de bateria de quatro dias, algo atípico para relógios com Watch OS. E mais: no modo de economia de energia, chamado aqui de Modo Durável — quando apenas a tela LCD fica disponível — a autonomia poderia alcançar 45 dias. Isso, teoricamente, ocorre graças a otimizações e ao tanque de 595 mAh.

(Imagem: Divulgação/Mobvoi)
(Imagem: Divulgação/Mobvoi)

Sobre sensores, o TicWatch Pro X traz leitura de batimentos cardíacos, oxímetro (SpO2), função de alerta de estresse, e marcação de 20 modalidades esportivas com informações que envolvem até a qualidade de execução da atividade física.

Para conectividade, ele traz Wi-Fi, Bluetooth e GPS como o esperado, além de NFC para pagamentos por aproximação, e ainda 4G via eSIM e chamadas VoLTE em mercados compatíveis. Há certificação IP68 também.

(Imagem: Divulgação/Mobvoi)
(Imagem: Divulgação/Mobvoi)

Fecha o conjunto a presença de 1 GB de memória RAM e 8 GB de armazenamento interno. Afinal, falamos de um vestível com um sistema operacional completo, ou seja, capaz de rodar apps independentes a partir da instalação de uma loja.

Preço e disponibilidade

A pré-venda já está disponível para o mercado chinês através do e-commerce JingDong. Nela o consumidor pagará o equivalente a R$ 1.708 (em conversão direta hoje, 06/10). Quando tiver vendas gerais liberadas, o TicWatch Pro X deverá custar o equivalente a R$ 2.047.

Mobvoi TichWatch Pro X: ficha técnica

  • Tela: AMOLED colorida de 1,39 polegada, com resolução de 454 x 454 pixels, densidade de 326 pixels por polegada (PPI); secundária LCD FSTN de 1,39 polegada

  • Tamanho: 47 mm

  • Peso: 45 gramas

  • Memória RAM: 1 GB

  • Armazenamento: 8 GB

  • Sistema: Google Wear OS 2.0

  • Autonomia: Até 4 dias (até 45 dias com Modo Durável)

  • Sensores: batimentos cardíacos, oxímetro (SPO2), alerta de estresse

  • Extras: NFC, Wi-Fi 2,4 GHz, Bluetooth, GPS, NFC, 4G, certificação IP68

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos