Mercado fechado
  • BOVESPA

    98.953,90
    +411,95 (+0,42%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.743,15
    +218,70 (+0,46%)
     
  • PETROLEO CRU

    108,46
    +2,70 (+2,55%)
     
  • OURO

    1.812,90
    +5,60 (+0,31%)
     
  • BTC-USD

    19.268,14
    -1.035,10 (-5,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    420,84
    +0,70 (+0,17%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,83 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.168,65
    -0,63 (-0,01%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    25.935,62
    -457,42 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    11.610,50
    +81,00 (+0,70%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5587
    +0,0531 (+0,96%)
     

Texugo acidentalmente descobre tesouro arqueológico na Espanha

·1 min de leitura
Texugo estava com fome e desenterrou uma coleção de moedas romanas em busca de comida. Getty Images
Texugo estava com fome e desenterrou uma coleção de moedas romanas em busca de comida. Getty Images
  • Texugo estava com fome e desenterrou uma coleção de moedas romanas em busca de comida;

  • Animal deve ter se refugiado nas cavernas de La Cuesta devido a forte nevasca de janeiro;

  • Moedas tem origens em várias partes do Império Romano, como Turquia, Itália, Inglaterra, França e Síria.

Nas Astúrias, noroeste da Espanha, estão localizadas as cavernas La Cuesta, onde um texugo (sim, o animal) fez uma grande descoberta arqueológica: uma coleção de 200 moedas romanas.

Um morador da região, que estava caminhando pelo local, se deparou com as moedas desenterradas próxima a uma toca do animal e alertou as autoridades.

Leia também:

A coleção, que totaliza 209 moedas, data entre os séculos 3 e 5 e tem origens diversas, como Constantinopla, Roma, Londres, Antioquia, Lyon, Arles e a cidade grega de Tessalônica, o que demonstra a expansão do Império Romano na época.

A teoria dos arqueólogos é que a coleção foi escondida na caverna devido a um contexto de instabilidade política.

No século 5 essa região espanhola foi invadida pelo povo sueco, o que poderia justificar alguém ter escondido as moedas com medo de roubos.

Em janeiro de 2021 a região enfrentou uma forte nevasca, apelidada de Filomena.

A tempestade foi tão forte que quebrou níveis recordes de neve no país. Nesse contexto, muitos animais tiveram de abandonar seus habitats regulares e buscar comida em locais diferentes.

Esse deve ter sido o principal motivo pelo qual o tesouro ficou esse tempo todo escondido, para ser descoberto por um texugo esfomeado, que, insatisfeito com o tesouro encontrado, deixou as moedas abandonadas no local.

O lixo de uns é realmente o tesouro de outros.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos