Mercado fechará em 3 h 41 min

Tesla revisa plano de fábrica na Alemanha para produção em 1 ano

Raymond Colitt e Brian Parkin

(Bloomberg) -- A Tesla planeja revisar os planos da fábrica nos arredores de Berlim para apaziguar críticos sobre aspectos ambientais do projeto e garantir que a primeira unidade europeia comece a produzir carros em cerca de um ano, disse uma autoridade do governo local.

A pioneira em carros elétricos enfrentou críticas de cidadãos preocupados com o desmatamento e o uso de água relacionados à construção da fábrica. Os primeiros contratempos incluíram uma ordem judicial para a interromper temporariamente em fevereiro a derrubada de árvores e uma possível multa por colocar estacas no chão antes de receber as licenças necessárias.Mas o novo projeto a ser apresentado nesta semana ou na próxima vai abordar algumas dessas preocupações, reduzindo a quantidade de água doce necessária e águas residuais, disse Joerg Steinbach, ministro da Economia do estado de Brandemburgo, onde a fábrica será construída. Após um processo de oito semanas de revisão e consulta pública, uma audiência aberta ocorrerá no início de setembro, acrescentou.

“Esperamos uma proposta que, em suma, seja mais ambientalmente aceitável e, portanto, com maior probabilidade de aprovação”, disse Steinbach em entrevista de seu escritório na cidade de Potsdam, nos arredores de Berlim. “Presumo que no primeiro semestre do próximo ano os carros estejam saindo da esteira transportadora.”

Representantes da Tesla não responderam a pedidos de comentário.

Polo de carros elétricos

O CEO da Tesla, Elon Musk, avança no coração da Alemanha para desafiar Volkswagen, BMW e Mercedes-Benz, da Daimler, em meio à ambiciosa meta do país para vendas de carros elétricos. É uma estratégia ousada, já que carros movidos a bateria apenas começam a decolar na maior economia da Europa. E, quando se trata de grandes projetos de infraestrutura, o país é famoso pela burocracia, o que poderia irritar o independente Musk, que está acostumado a seguir seu próprio caminho.

Uma vez concluídos, os planos para o projeto estimado em 4 bilhões de euros (US$ 4,5 bilhões) demandariam a contratação de 12 mil pessoas e a montagem de 500 mil veículos anualmente. Para Brandemburgo, levar a Tesla à área florestal nos arredores de Berlim é um acordo histórico. O estado tem enfrentado desafios para atrair investidores e empregos de alto nível, e a chegada da montadora americana tem potencial de trazer outros grandes empregadores.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2020 Bloomberg L.P.