Mercado fechará em 3 h 39 min
  • BOVESPA

    110.057,96
    +1.406,91 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.280,58
    +1.038,77 (+2,20%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,94
    +0,44 (+0,49%)
     
  • OURO

    1.813,40
    +1,10 (+0,06%)
     
  • BTC-USD

    24.049,05
    +963,83 (+4,18%)
     
  • CMC Crypto 200

    566,12
    +34,90 (+6,57%)
     
  • S&P500

    4.195,51
    +73,04 (+1,77%)
     
  • DOW JONES

    33.232,87
    +458,46 (+1,40%)
     
  • FTSE

    7.507,11
    +18,96 (+0,25%)
     
  • HANG SENG

    19.610,84
    -392,60 (-1,96%)
     
  • NIKKEI

    27.819,33
    -180,63 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    13.360,50
    +329,00 (+2,52%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2132
    -0,0195 (-0,37%)
     

Tesla fecha escritório satélite na Califórnia e demite cerca de 200 funcionários

Por Hyunjoo Jin

SÃO FRANCISCO (Reuters) - A Tesla fechou seu escritório em San Mateo, no Estado norte-americano da Califórnia, e demitiu cerca de 200 funcionários que trabalham no sistema de assistente de motorista Autopilot, disse uma das pessoas impactadas à Reuters, em um movimento visto como de aceleração do corte de custos.

A maioria das pessoas demitidas eram trabalhadores remunerados por hora, disse essa pessoa.

"A Tesla está claramente em um grande modo de corte de custos", disse Raj Rajkumar, professor de engenharia elétrica e de computação da Carnegie Mellon University. "Esta (redução de pessoal) provavelmente indica que o segundo trimestre de 2022 foi bastante difícil para a empresa devido à paralisação em Xangai, custos de matérias-primas e problemas na cadeia de suprimentos”.

Os funcionários do escritório já haviam sido informados que se mudariam para uma unidade em Palo Alto gradualmente a partir deste mês, após o vencimento do contrato de aluguel de San Mateo, disse a pessoa. Mas a maioria dos trabalhadores foi demitida na terça-feira.

Alguns trabalhadores esperavam que a Tesla transferisse parte dos empregos para funcionários com salários mais baixos em Buffalo, Nova York, para economizar custos.

A Tesla não respondeu imediatamente a um pedido de comentário da Reuters. Os cortes em San Mateo foram noticiados inicialmente pela Bloomberg.

Muitos funcionários no escritório da Tesla em San Mateo trabalham na anotação de dados - revisando e rotulando vários visuais coletados de veículos Tesla para ensinar o sistema Autopilot dos carros como lidar com certos tipos de cenários.

"Um dia meio decepcionante hoje. Eu e quase toda a filial de San Mateo da Tesla acabamos de ser demitidos", disse Caeser Rosas, especialista em anotação de dados, em um post no LinkedIn.

(Por Hyunjoo Jin)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos