Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.829,99
    +292,79 (+0,82%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.017,75
    -138,50 (-0,98%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Tesla define local para guardar dados coletados por seus carros na China

·1 minuto de leitura

PEQUIM (Reuters) - A fabricante de veículos elétricos Tesla disse nesta terça-feira que definiu um local na China para armazenar localmente dados produzidos por seus carros.

A Tesla disse no site chinês de rede social Weibo que os dados gerados por todos os carros que vende na China, onde está fabricando o sedã Model 3 e utilitário esportivo Model Y, serão armazenados no país. A Tesla também anunciou que expandirá sua rede de centrais de processamento de dados na China.

Maior mercado de automóveis do mundo e o segundo maior para a Tesla, a China está elaborando regras para garantir a segurança dos dados gerados por veículos conectados, à medida que sua crescente popularidade alimenta preocupações com privacidade e segurança nacional.

Funcionários de alguns escritórios do governo chinês foram instruídos a não estacionar veículos Tesla dentro de complexos do governo devido a preocupações sobre as imagens captadas pelas câmeras dos veículos, disseram à Reuters duas pessoas com conhecimento do assunto na semana passada.

Na semana passada, a vice-presidente da Tesla, Grace Tao, junto com executivos da Baidu e Alibaba, participou de uma discussão política realizada por um grupo chinês sobre segurança de dados.

A Tesla está desenvolvendo uma plataforma para donos de automóveis na China que lhes permitirá acessar dados gerados por seus veículos. Também está aumentando seu envolvimento com os reguladores do país e reforçando equipe de relações com o governo, disseram fontes à Reuters.

(Por Yilei Sun e Tony Munroe)

((Tradução Redação São Paulo))

REUTERS AAP AAJ

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos