Mercado fechará em 3 h 9 min
  • BOVESPA

    119.202,54
    -361,90 (-0,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.765,70
    +365,90 (+0,76%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,68
    -0,95 (-1,45%)
     
  • OURO

    1.815,60
    +31,30 (+1,75%)
     
  • BTC-USD

    56.869,21
    -604,71 (-1,05%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.480,91
    +9,50 (+0,65%)
     
  • S&P500

    4.182,57
    +14,98 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    34.407,11
    +176,77 (+0,52%)
     
  • FTSE

    7.076,17
    +36,87 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    28.637,46
    +219,46 (+0,77%)
     
  • NIKKEI

    29.331,37
    +518,77 (+1,80%)
     
  • NASDAQ

    13.568,50
    +77,50 (+0,57%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3671
    -0,0598 (-0,93%)
     

Tesla apresenta o Powerwall +, seu novo sistema de armazenamento de energia renovável

Gabriel Sérvio
·2 minuto de leitura
Tesla apresenta o Powerwall +, seu novo sistema de armazenamento de energia renovável
Tesla apresenta o Powerwall +, seu novo sistema de armazenamento de energia renovável

Após confirmar o atraso na abertura da sua gigafábrica na Alemanha e anunciar lucro recorde no primeiro trimestre deste ano, a Tesla segue expandindo sua linha de produtos do segmento de energia limpa. A empresa apresentou as especificações e a primeira imagem do Powerwall +, a próxima versão do sistema de armazenamento de energia da companhia de Elon Musk.

Para quem não ouviu falar do Powerwall, ele funciona de forma relativamente simples, armazenando o excesso de energia capturada por painéis solares em baterias. O usuário pode optar por usar essa energia extra em horários de pico, por exemplo, o que ajuda a economizar dinheiro na conta de luz. O dispositivo foi apresentado pela empresa em 2015, com seu sucessor, o Powerwall 2, sendo anunciado logo em seguida em outubro de 2016. Agora, a Tesla está revisando o produto mais uma vez.

Musk disse no fim de abril que a próxima versão do produto será vendido como um pacote. Isso significa que o Powerwall + não funcionará com painéis solares de outros fabricantes. O CEO da companhia afirma que a mudança visa diminuir a dificuldade de instalação do produto.

<em>Novo inversor da Tesla com disjuntor integrado deve ser oferecido com o novo Powerwall +. Imagem: Tesla/Reprodução</em>
Novo inversor da Tesla com disjuntor integrado deve ser oferecido com o novo Powerwall +. Imagem: Tesla/Reprodução

Especificações do Tesla Powerwall +

A Tesla está enviando aos seus clientes as especificações do novo sistema, que oferece com diferencial o dobro de potência de saída da versão anterior, 9,6 kW. Acima das saídas de pico de 5 kW e 7 kW usadas pela empresa nos antecessores do dispositivo.

A ficha técnica do Powerwall + foi divulgada na última sexta-feira (30) pelo portal Electrek:

Energia nominal da bateria

13,5 kWh

Tensão nominal da rede (entrada / saída)

120/240 VAC

Frequência

60 Hz

Máximo de energia contínua na rede

Entrada de 5 kW / saída de 7,6 kW

Força máxima contínua fora da rede

Entrada de 5 kW / saída de 9,6 kW

Máxima Corrente Contínua na Rede

Saída de 32 A

Máxima corrente contínua fora da rede

Saída de 40 A

Dispositivo de proteção de sobrecorrente

50 A

Eficiência

90%

Interface do cliente

Tesla Mobile App

Conectividade com a Internet

Wi-Fi, Ethernet, LTE / 4G

Proteções

Interruptor de circuito de falha por arco integrado (AFCI), Desligamento rápido (RSD)

Garantia

10 anos

A Tesla afirma que o design e a instalação simplificada do Powerwall + permite sua conexão com qualquer casa. Os controles inteligentes do sistema ainda permitem que os proprietários personalizem o comportamento do dispositivo “para atender às suas necessidades de energia renovável”.

Leia mais:

O setor de energia doméstica da Tesla deve continuar evoluindo, visto que as instalações anteriores do produto incluíam apenas o Powerwall, mas agora também podem incluir o recém-lançado ‘Tesla Inverter’, um novo inversor de energia com disjuntor integrado que ficará posicionado logo acima do Powerwall +, dando um visual mais limpo ao sistema após a instalação.

Via: Teslarati, Electrek