Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.113,93
    +413,26 (+0,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.726,98
    +212,88 (+0,44%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,07
    -0,39 (-0,61%)
     
  • OURO

    1.777,30
    +10,50 (+0,59%)
     
  • BTC-USD

    56.577,43
    -5.860,87 (-9,39%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,97
    +7,26 (+0,52%)
     
  • S&P500

    4.185,47
    +15,05 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    34.200,67
    +164,68 (+0,48%)
     
  • FTSE

    7.019,53
    +36,03 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    28.969,71
    +176,57 (+0,61%)
     
  • NIKKEI

    29.683,37
    +40,68 (+0,14%)
     
  • NASDAQ

    14.024,00
    +10,00 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6943
    -0,0268 (-0,40%)
     

Teorias da Conspiração: a ida do homem à Lua foi uma farsa?

Felipe Blumen
·2 minuto de leitura

Nem a teoria da conspiração que os Ets estão entre nós segura mais de 50 anos de sucesso. Mas é só entrar em qualquer bar pelo mundo que você encontra alguém que não acredita que o homem foi à Lua.

O resumo da ideia é esse: em 1969, a Nasa sabia que os foguetes Apollo eram muito perigosos. Então mandou o Apollo 11 para o espaço sem tripulação e enviou os astronautas até o deserto de Nevada, nos Estados Unidos, para simular uma missão espacial.

Tem quem acredite que tudo isso foi filmado e dirigido pelo cineasta Stanley Kubrick, que tinha feito muito sucesso um ano antes com “2001: Uma Odisseia no Espaço”.

Montagem exibe Stanley Kubrick e telas de filmes famosos, como '2001: Uma Odisseia no Espaço', lançado um ano antes do pouso à Lua. Conspiracionistas acreditam que ele dirigiu a filmagem de Neil Armstrong pisando em solo lunar (Arte: Larissa Vescovi)
Montagem exibe Stanley Kubrick e telas de filmes famosos, como '2001: Uma Odisseia no Espaço', lançado um ano antes do pouso à Lua. Conspiracionistas acreditam que ele dirigiu a filmagem de Neil Armstrong pisando em solo lunar (Arte: Larissa Vescovi)

A maioria das justificativas para essa suposta fraude gira em torno de motivações políticas. Os Estados Unidos jamais aceitariam perder a corrida espacial para a União Soviética no meio da Guerra Fria. E Lua era a linha de chegada dessa corrida.

O que dizem os conspiracionistas

Os argumentos de quem nega a viagem são bastante conhecidos: 

  • A bandeira tremulando num lugar sem vento.

  • As sombras dispersas, quando deveriam ser únicas.

  • as estrelas que não aparecem no céu e muitas outras.

As explicações científicas

Para cada questão há uma explicação científica. O reflexo da luz do Sol no chão da Lua, por exemplo, causou as sombras dispersas. Assim como a formação vulcânica do solo permitiu as pegadas que a gente vê nas famosas fotos.

Imagem da sonda da Apollo, que levou o homem à Lua pela primeira vez, mostra as sombras em solo lunar. Reflexo do Sol no chão que as causou (Arte: Larissa Vescovi)
Imagem da sonda da Apollo, que levou o homem à Lua pela primeira vez, mostra as sombras em solo lunar. Reflexo do Sol no chão que as causou (Arte: Larissa Vescovi)

Como as explicações da viagem à Lua são técnicas, ela vira a porta de entrada para outras teorias que exigem mais tempo de reflexão

Afinal, a Lua está logo ali e qualquer um pode se perguntar por que não tem ninguém lá. Mas não é todo mundo que vai no bar com algum astrofísico da Nasa.

Teorias da Conspiração

Há uma Nova Ordem Mundial que comanda tudo? Os alienígenas estão entre nós? A realidade pode ser uma simulação? Basta navegar um pouco pela internet para se deparar com essas perguntas - e respostas igualmente surreais. Narrado por Andrei Fernandes, host do Mundo Freak, a série Teorias da Conspiração revisita oito das mais famosas dela e mostra que, apesar de boas histórias, não há nenhuma comprovação científica...Por enquanto.

Toda quinta-feira, um novo episódio no Yahoo!