Mercado abrirá em 1 h 7 min
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,82 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,44 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,49
    +0,73 (+0,87%)
     
  • OURO

    1.800,60
    +4,30 (+0,24%)
     
  • BTC-USD

    62.728,87
    +1.830,91 (+3,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,70 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,92 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.239,58
    +35,03 (+0,49%)
     
  • HANG SENG

    26.132,03
    +5,10 (+0,02%)
     
  • NIKKEI

    28.600,41
    -204,44 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    15.380,50
    +39,50 (+0,26%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5663
    -0,0145 (-0,22%)
     

Teoria sugere que Stranger Things finalmente contará história do Mundo Invertido

·2 minuto de leitura

Stranger Things é aquela série que todos os episódios são capazes de deixar o público ainda mais ansioso por respostas — e mesmo dois anos após a última temporada lançada, não é diferente. Durante o TUDUM, evento da Netflix dedicado aos fãs das produções originais da plataforma, o título ganhou um novo teaser exclusivo que deixou a fanbase criar suas próprias teorias.

A prévia mistura duas linhas temporais: uma em 1950, quando uma família chega à Casa do Creel ao som do sucesso Dream a Little Dream of Me, na versão interpretada por Louis Armstrong e Ella Fitzgerald. Os pais e os filhos parecem viver em harmonia, até se depararem com o tradicional piscar de luzes da série e encontrar um animal morto no quintal. Logo depois, os personagens regulares de Stranger Things aparecem anos depois (e na atual linha temporal) vasculhando o mesmo local, que agora parece abandonado, mas que também possui o misterioso relógio visto em prévias anteriores.

Família Creel (Imagem: Reprodução / Netflix)
Família Creel (Imagem: Reprodução / Netflix)

O teaser implica que alguém "mexia" com o Mundo Invertido muito antes de Will Byers e Eleven, visto que a família Creel começou a vivenciar esses fenômenos esquisitos. A aparição de um coelho morto no gramado do quintal remete diretamente a um diálogo que Nancy e Jonathan tiveram na primeira temporada, quando encontraram um veado moribundo antes do Demogorgon.

A cena mais macabra, no entanto, é a do Sr. Creel (Robert Englund, o eterno Freddy Krueger) de costas para a câmera, com seus filhos mortos ao seu lado. A observação dos fãs é justamente de um jornal de 1959, revelando que ele passou os últimos 30 anos no Hospital Psiquiátrico de Pennhurst. A manchete do recorte afirma que um demônio vingativo matou a família.

Manchete anunciando o assassinato da família Creel (Imagem: Reprodução / Netflix)
Manchete anunciando o assassinato da família Creel (Imagem: Reprodução / Netflix)

"O assassinato que chocou uma pequena comunidade", continua a notícia. Parece que o pai sobreviveu, mas foi acusado e condenado por matar sua esposa e filhos. Ao que parece, a nova temporada de Stranger Things explorará esse assassinato misterioso e como o Sr. Creel não foi o culpado pela morte de sua família. Talvez ele acredite que estava possuído por um demônio, ou talvez as forças maléficas do Mundo Invertido ou do Laboratório Nacional de Hawkins estivessem envolvidas.

Ao que tudo indica, Stranger Things finalmente explorará a história por trás do Mundo Invertido ao invés de resolver apenas suas consequências em Hawkins. Até agora, os fãs sabem que o Projeto MKUltra começou em 1953, logo quando a família Creel se mudou para a mansão, então talvez essa medida governamental tenha feito contato com o outro lado muito antes de Eleven nascer, o que significaria que ela não é responsável por ter deixado o Devorador de Mentes entrar nessa dimensão.

A temporada 4 de Stranger Things chega em 2022 ao catálogo da Netflix; as três primeiras temporadas estão disponíveis para serem maratonadas.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos