Mercado fechará em 1 h 22 min
  • BOVESPA

    114.076,07
    +1.793,79 (+1,60%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.501,80
    +163,46 (+0,32%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,31
    +1,08 (+1,50%)
     
  • OURO

    1.750,70
    -28,10 (-1,58%)
     
  • BTC-USD

    44.688,89
    +927,43 (+2,12%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.122,75
    +13,83 (+1,25%)
     
  • S&P500

    4.458,92
    +63,28 (+1,44%)
     
  • DOW JONES

    34.829,26
    +570,94 (+1,67%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.510,98
    +289,44 (+1,19%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.325,75
    +162,25 (+1,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2246
    +0,0158 (+0,25%)
     

Telescópio James Webb finaliza testes e será enviado ao local de lançamento

·2 minuto de leitura

O telescópio espacial James Webb avançou mais uma etapa importante para o tão aguardado lançamento. Ele acaba de completar um período intenso de testes, necessários para garantir que este, que será o observatório espacial mais complexo já lançado à órbita, esteja funcionando do jeitinho que foi planejado. Com essa etapa concluída, começa agora a operação de envio do telescópio para a cidade de Kourou, na Guiana Francesa, onde o lançamento irá acontecer. Os preparativos para a viagem devem ser finalizados em setembro.

Nessa etapa, as equipes não irão mais se dedicar a demonstrar que o telescópio resistirá ao lançamento, mas sim a garantir que chegará em segurança na base para o grande dia. “Com a finalização da integração e testes, o telescópio James Webb alcançou um ponto de virada importante em seu caminho com destino ao lançamento”, comentou Gregory L. Robinson, diretor de programa do James Webb. “Temos uma força de trabalho tremendamente dedicada que nos levou à linha de chegada, e estamos muito animados em ver que o telescópio está pronto para ser lançado, e que logo estará em sua jornada científica”, disse.

Enquanto as operações de envio seguem, outras equipes verificam a situação da rede de comunicações que o telescópio irá usar no espaço, que vem demonstrando bom funcionamento. Assim que chegar à Guiana Francesa, as equipes de processamento de lançamento vão verificar se não houve danos durante o transporte, além de configurar o telescópio para o voo e acomodá-lo no foguete Ariane 5, da Agência Espacial Europeia (ESA), para depois levá-lo à plataforma de lançamento.

Após o lançamento, o telescópio passará por um período de comissionamento, com duração de seis meses. Após deixar o foguete, o painel solar do James Webb será implantado automaticamente, e os demais procedimentos seguintes serão iniciados pelas equipes de controle em solo. O telescópio deverá levar um mês até chegar a sua localização desejada, e irá desdobrar seus componentes lentamente conforme avança. A expectativa é que as operações científicas sejam iniciadas seis meses depois do lançamento.

O James Webb é um programa internacional, liderado pela NASA com parceiros como a ESA e a Agência Espacial Canadense, desenvolvido com base no legado de missões anteriores. Este será o maior observatório científico do mundo, e poderá responder perguntas sobre o sistema Solar, observar mundos distantes na órbita de outros estrelas e estudar a origem do universo. Após uma década de atrasos, o lançamento deverá acontecer em novembro de 2021.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos