Mercado fechado
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,45 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,09 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,22
    -0,28 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +21,40 (+1,22%)
     
  • BTC-USD

    48.979,56
    +1.305,91 (+2,74%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.367,14
    -74,62 (-5,18%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,71 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.122,32
    -6,89 (-0,10%)
     
  • HANG SENG

    23.766,69
    -22,24 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.029,57
    +276,20 (+1,00%)
     
  • NASDAQ

    15.687,50
    -301,00 (-1,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3953
    +0,0151 (+0,24%)
     

Telegram vai oferecer assinatura para ocultar propagandas do mensageiro

·1 min de leitura

Com o crescimento, vêm os custos — e no Telegram não seria diferente. Para evitar os anúncios que em breve chegarão à plataforma, usuários poderão optar por uma assinatura paga “baratinha”, anunciou o CEO Pavel Durov em um de seus canais do mensageiro.

O chefão do rival do WhatsApp não deu detalhes sobre o modelo de cobrança, como preços e ofertas especiais. Contudo, os valores obtidos serão utilizados diretamente para a manutenção do Telegram, enquanto evitam propagandas no app do assinante.

Publicidade em canais grandes

Na semana passada, o Telegram anunciou que exibirá propagandas em canais abertos com mais de 1 mil participantes. Essas “mensagens patrocinadas” gerarão receita para mensageiro, mas também aos administradores do grupo.

A publicidade será baseada no assunto principal do canal, então poupará os dados dos usuários do processo — e preservará o foco em privacidade do app. Mensagens privadas, conversas diretas ou grupos pessoais não serão afetados por publicidade de nenhuma forma no atual programa e, claro, utilizar o app para enviar e receber mensagens privadas entre amigos, familiares e mesmo comercialmente não custará nada.

Canais podem não exibir anúncios

O Telegram estuda uma forma para que administradores possam desligar anúncios em um canal inteiro, assim nenhum membro esbarraria nas propagandas., mas não está claro como o mecanismo funcionará.

Segundo o Telegram, as mensagens patrocinadas estão em período de teste e as diretrizes para os anunciantes já está disponível para a consulta. Não existem datas exatas para o lançamento do programa ou da assinatura, mas Durov prevê que sejam ao menos detalhados ainda este mês.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos