Mercado abrirá em 8 h 21 min
  • BOVESPA

    106.419,53
    -2.295,02 (-2,11%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.206,59
    +372,79 (+0,72%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,18
    -0,47 (-0,56%)
     
  • OURO

    1.789,10
    -4,30 (-0,24%)
     
  • BTC-USD

    60.767,90
    -1.900,17 (-3,03%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.477,50
    -27,66 (-1,84%)
     
  • S&P500

    4.574,79
    +8,31 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    35.756,88
    +15,73 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.277,62
    +54,80 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    25.624,96
    -413,31 (-1,59%)
     
  • NIKKEI

    28.946,61
    -159,40 (-0,55%)
     
  • NASDAQ

    15.537,50
    -7,50 (-0,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4582
    +0,0041 (+0,06%)
     

Teclado gamer: como escolher o melhor para você

·9 minuto de leitura

Quando falamos em teclado convencional e teclado gamer, muitas pessoas não sabem dizer ao certo qual é a exata diferença entre eles e suas principais características. A maioria de nós cresceu jogando os games em PCs simples, sem periféricos “especiais” ou que trouxessem alguma vantagem competitiva na jogatina do dia a dia.

Devo confessar, inclusive, que só passei a me preocupar mais com esse tipo de produto há alguns anos, quando me tornei jogadora de e-sports. FPS é o meu estilo de jogo favorito, e como boa fã de games de tiro, sempre quis jogar com os melhores equipamentos disponíveis — e teclado, com certeza, era um deles.

Mas assim que comecei a procurar, vi que existem muitas opções no mercado das quais não sabemos a diferença exata e o porquê são bons (ou não). Sendo assim, continue aqui comigo para descobrir qual o melhor teclado gamer para você.

Teclados mecânicos (Imagem: Corsair)
Teclados mecânicos (Imagem: Corsair)

Como fizemos a seleção

Jogo games tipo FPS há mais de dez anos, inclusive já tendo participado de um time profissional de e-sports. O teclado sempre foi um assunto muito sério para mim, principalmente porque, em uma partida competitiva, o tempo de resposta das ações tornam-se essenciais para a vitória.

Tive a oportunidade de testar diversos teclados mecânicos ao longo desse período, tendo boas (e não tão boas assim) experiências com esse tipo de produto.

Essa lista também poderá ser atualizada a qualquer momento, caso haja necessidade de alteração ou inclusão de novos produtos.

Diferenças entre teclado convencional e teclado mecânico

Explicando de forma mais detalhada, os teclados de membrana possuem um revestimento de borracha entre a tecla e placa dos circuitos, que reconhece quando o usuário aperta uma delas para escrever. Essa única barreira existente (borracha), apesar de responsiva, tem grande latência (tempo de resposta), o que não é interessante quando estamos jogando.

Todo mundo já teve uma experiência em que realizou um comando com esse tipo de teclado no jogo, e, infelizmente, acabou morrendo porque a resposta da ação não veio a tempo. Fora que, com o passar dos anos, esse revestimento emborrachado — disponível em teclados bem simples — acaba ressecando e endurecendo, trazendo diversos problemas na utilização, mesmo em atividades corriqueiras e sem grandes demandas. Algo nada agradável.

Teclado mecânico RGB HyperX (Imagem: HyperX)
Teclado mecânico RGB HyperX (Imagem: HyperX)

Fora que, dependendo do game que iremos jogar, a utilização de muitas teclas simultaneamente é necessária para conseguir êxito e vencer a partida no final, mas, infelizmente, alguns modelos não entendem essa regra.

O “ghosting” — termo designado para um problema caracterizado pelo teclado não suportar que múltiplas teclas sejam pressionadas ao mesmo tempo — é grande companheiro dos teclados de membrana no geral. Se você gosta de jogos de MMO ou RTS, por exemplo, poderá ter grandes problemas com esse tipo de produto.

Os teclados mecânicos e de membrana, apesar de serem semelhantes em estética na maioria das vezes, possuem construção interna totalmente diferenciada.

Mas vale ressaltar que teclado de membrana, apesar de não indicados para jogos, são ótimos periféricos para usar no dia a dia, principalmente se considerarmos o quanto são silenciosos. Em ambientes de trabalho, onde muitas pessoas estão juntas em um mesmo local, ele é a opção melhor e mais barata dentre as disponíveis. Também é possível adquirir excelentes modelos premium por preços que cabem no nosso bolso, algo que considero muito positivo.

Já os teclados mecânicos (também conhecidos como teclados gamer) são opção ideal para jogadores avançados e/ou competitivos. A principal diferença da construção dele é o mecanismo de acionamento das teclas.

Cada tecla desse tipo de produto possui um “switch”, um dispositivo mecânico responsável pelo acionamento e contato com a placa de circuito através de uma mola. Existem diversos tipos de switch no mercado, cada um deles com características diferentes. Mais à frente, explicaremos detalhadamente sobre eles.

Como os swicthes Cherry MX são construídos (Imagem: Cherry MX)
Como os swicthes Cherry MX são construídos (Imagem: Cherry MX)

E lembra do “ghosting” que falamos mais acima? Nos teclados mecânicos, esse problema não existe. Já que cada um dos mecanismos é individual e responsável por uma única tecla, o usuário pode apertar todos os botões do produto ao mesmo tempo que eles serão reconhecidos em sua totalidade sem nenhum problema.

Os teclados mecânicos também são conhecidos pela usabilidade e conforto em longas horas de uso. Não à toa, esse tipo de periférico é muito escolhido até mesmo para jornalistas e redatores, por possibilitar ergonomia e não aparentar desgaste mesmo após longos anos de utilização.

Os teclados de membrana não são aconselhados para gamers no geral, principalmente por causa do "ghosting" — efeito que ocorre quando várias teclas são pressionadas simultâneamente.

Qual switch escolher?

Conforme dito acima, os teclados mecânicos utilizam um mecanismo (switch) para realizar o acionamento das teclas de forma individual. Mas é bom que você saiba que nem todos eles são iguais, e cada um possui características próprias e mais adequadas para cada perfil de pessoa.

Os mecanismos mais conhecidos do mercado são Cherry MX Black, MX Silent Red, MX Red, MX Speed Silver, MX Brown, MX Clear, MX Blue, MX Grey e MX Green. Cada um deles possui ajuste específico na resistência da mola, que, em outras palavras, determina a força necessária que o usuário precisará fazer para apertar e acionar cada uma das teclas.

E por ter essa diferença entre eles, o som para acionar cada um desses mecanismos também não segue a mesma regra. Entre os switches citados, o red (vermelho), silent red e o brown (marrom) são os que menos produzem ruído. Mesmo que você esteja sem fones, ou queira jogar uma partida do seu game favorito na madrugada, não terá grandes problemas com o barulho feito por eles.

Switch Cherry MX Red (Imagem: Cherry MX)
Switch Cherry MX Red (Imagem: Cherry MX)

Mas se você for o tipo de usuário que costuma usar mais força enquanto digita, e prefere que o teclado faça um som mais perceptível, os switches azul e verde com certeza serão da sua preferência.

Explicando de maneira mais técnica, os mecanismos dos switches brown, red e red silent não produzem o barulho de clique enquanto estão sendo utilizados. Já o verde e o azul possuem uma espécie de “trava” que, quando acionada, produz esse som adicional, transformando esses dois mecanismos nos mais barulhentos da lista.

Melhor teclado gamer sem fio

Logitech G613

O G613, da Logitech, é um dos poucos teclados mecânicos sem fio disponíveis no mercado brasileiro. Sua conexão é do tipo Bluetooth, e a alimentação desse modelo é feita através de duas pilhas tipo AA.

O switch utilizado na construção do produto foi o “Romer-G Tactile”, construído pela própria Logitech, garantindo tempo de resposta de 1 ms entre apertar a tecla e obter a ação na tela.

Vale ressaltar que a Logitech é uma excelente fabricante de produtos gamer, sendo o seu RMA um dos mais reconhecidos no mercado devido à qualidade no serviço prestado.

(Créditos: Logitech)
(Créditos: Logitech)

Devo confessar que já fiz a utilização desse tipo de solicitação com eles e fui extremamente bem atendida, além de o problema, claro, ter sido resolvido sem burocracia.

Definitivamente, uma ótima opção.

Corsair K63

O K63, da Corsair, é uma outra ótima opção de teclado gamer sem fio. A principal diferença em relação ao G613 que citamos anteriormente é a conexão utilizada para comunicação com o PC.

Esse modelo disponibiliza um adaptador 2,4 GHz para ser utilizado em qualquer porta USB-A. O K63 também entrega 1 ms de tempo de resposta, e é construído utilizando o switch Cherry MX Red.

(Créditos: Corsair)
(Créditos: Corsair)

Possui retroiluminação fixa na cor azul, e sua bateria dura em torno de 15 horas no brilho normal e 75 horas sem luz de fundo.

O preço de ambos os modelos está entre R$ 600 a 800, aproximadamente.

Melhor teclado gamer compacto

HyperX Alloy Origins 60%

A nossa primeira opção de teclado 60% é o Alloy Origins, da HyperX. Para usuários que procuram teclados mais compactos, esta é uma ótima opção.

(Créditos: HyperX)
(Créditos: HyperX)

Construído com switch red da própria fabricante, a experiência de uso é bastante agradável e não muito ruidosa. Assim como todos os teclados mecânicos apresentados nessa lista, ele também é 100% anti-ghosting, garantindo menor latência ao realizar as ações nos seus jogos.

Redragon Magic Wand Pro K587

Uma das opções de baixo custo na nossa lista é o Magic Wand Pro K587, da Redragon. Ele é um dos teclados mecânicos da nossa lista com switch Blue (azul), Brown (marrom) e Red (vermelho). Logo, esteja atento a esse detalhe caso vá adquiri-lo.

(Créditos: Redragon)
(Créditos: Redragon)

Apesar de ele ser um teclado 75%, ainda é uma opção para quem procura algo mais compacto e que ocupe menos espaço na mesa.

A faixa de preço desses dois modelos está entre R$ 400 a 700, aproximadamente.

Melhor teclado gamer barato

Redragon Sani K581 RGB

Uma boa opção e que tem ótimo custo-benefício é o teclado Sani K581 RGB, da Redragon. Ele tem exatamente todas as características que um gamer gosta: mecânico, tem o numb pad disponível e, claro, é RGB.

(Créditos: Redragon)
(Créditos: Redragon)

O switch utilizado na construção desse modelo é o Outemu Blue, o que pode ser desagradável para algumas pessoas por conta do barulho. Caso você pense nessa opção, lembre-se disso.

Mas caso você não se incomode com essa característica, ele será um ótimo teclado para todos os seus jogos favoritos.

Motospeed CK95

Outro teclado bem conhecido pela comunidade gamer é o Motospeed CK95. Durante um bom tempo, os teclados da Motospeed foram recomendados como os melhores teclados gamer custo-benefício do mercado.

O CK95 é construído com quatro switches diferentes — Outemu Black, Brown, Blue e Red —, e, diferente de todos os apresentados aqui, não é RGB, infelizmente. Mas isso não tira o mérito, nem a qualidade do modelo em si.

(Créditos: Motospeed)
(Créditos: Motospeed)

O switch black, apesar de não muito comum, faz pouco barulho e não incomoda ao ser utilizado no dia a dia. O preço dele também é bem interessante, tornando-se uma ótima opção entre as apresentadas aqui.

Esses dois teclados custam, em média, entre R$ 250 a R$ 300, aproximadamente.

Melhor teclado gamer RGB

HyperX Alloy Origins Core

Outra ótima sugestão que trouxemos é o Alloy Origins Core, da HyperX. Diferentemente do Logitech, o teclado mecânico da HyperX possui conexão com fio do tipo USB.

(Créditos: HyperX)
(Créditos: HyperX)

Seus switches são criados pela própria fabricante para garantir performance excelente de baixa latência. Ele também conta com retroiluminação (RGB) para deixar o setup mais bonito e personalizável.

Outro detalhe bacana é que ele é versão ABNT2, excelente para usuários (igual a mim) que gostam de acentuar as palavras de maneira adequada.

Corsair K68

O Corsair K68 é um dos modelos mais conhecidos da fabricante, famosa por seus produtos gamer de boa qualidade. O software para personalização dos efeitos RGB é bem completo, intuitivo e fácil de ser utilizado, além de contar com muitas possibilidades diferentes quando o assunto é retroiluminação.

A construção também é excelente, sendo utilizado o switch Cherry MX Red no K68. Ele também é ABNT2, então já está pronto para o nosso idioma.

(Créditos: Corsair)
(Créditos: Corsair)

Mas lembrem-se que a maioria dos teclados apresentados nessa lista são RGB, então considerem eles na sua decisão de compra. Esperamos que a gente tenha te ajudado a decidir entre os melhores teclados gamer disponíveis no mercado.

Por fim, os modelos dessa categoria custam entre R$ 500 a 700, aproximadamente.

Até a próxima, e boas compras!

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos