Mercado fechará em 1 h 59 min
  • BOVESPA

    105.252,49
    -2.482,52 (-2,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.797,54
    -222,51 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,45
    +0,95 (+1,15%)
     
  • OURO

    1.798,70
    +16,80 (+0,94%)
     
  • BTC-USD

    61.198,85
    -1.620,71 (-2,58%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.458,00
    -45,04 (-3,00%)
     
  • S&P500

    4.540,14
    -9,64 (-0,21%)
     
  • DOW JONES

    35.643,43
    +40,35 (+0,11%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.363,25
    -115,50 (-0,75%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6334
    +0,0524 (+0,80%)
     

Táxi elétrico aéreo começa a ganhar mercado mundial

·2 minuto de leitura
As iniciativas para implantar frotas de táxis elétricos em algumas das maiores cidades do mundo estão ganhando força, com dois dos pioneiros do setor revelando uma série de pedidos. (REUTERS/Michael Dalder)
  • Acordos na China e no Japão mostram crescimento de demanda no mercado

  • A Gol anunciou acordo para a compra de 250 aeronaves elétricas

  • Novo setor deve causar aumento de viagens aéreas no mundo

As iniciativas para implantar frotas de táxis elétricos em algumas das maiores cidades do mundo estão ganhando força, com dois dos pioneiros do setor revelando uma série de pedidos. O Vertical Aerospace, do Reino Unido, anunciou um esboço de acordo para fornecer ao conglomerado japonês Marubeni. 200 aeronaves de pouso fazem parte do acordo anunciado nessa quarta-feira (22), um dia depois de revelar acordos com a Gol, maior companhia aérea do Brasil, e com a maior operadora de helicóptero do mundo.

Leia também:

A rival alemã Volocopter GmbH estabeleceu um acordo com a investidora Geely Automobile e verá seu modelo eVTOL ser construído na China, começando com um pedido de 150 unidades para serem implantadas em todo o gigante asiático

Os táxis aéreos elétricos estão emergindo como um novo setor da aviação. Os primeiros projetos estão próximos da maturidade. Seus desenvolvedores levantam centenas de milhões de dólares por meio de acordos com empresas de aquisição de propósito excepcional. Muitos pedidos têm visto locais como Cingapura e Baviera planejando funções turísticas e médicas para a embarcação. Em contraste, American Airlines e Virgin Atlantic veem eVTOLs atendendo clientes premium.

“Embora as operadoras de helicópteros sejam os grandes usuários, as companhias aéreas estão buscando eVTOLs para conectar os aeroportos aos centros das cidades para passageiros de negócios e de primeira classe”, disse o CEO da Vertical Aerospace, Stephen Fitzpatrick, em uma entrevista para a Bloomberg.com. “Também vemos novas oportunidades como maior segurança; modelos de baixo ruído e custo abrem a mobilidade aérea para quase qualquer pessoa que vive em uma cidade”.

Gol receberá 250 aeronaves

O negócio da Vertical Aerospace com a Marubeni eleva a carteira de pedidos de seu VA-X4 para 1.350 aeronaves, disse a empresa sediada em Bristol, na Inglaterra, em um comunicado. Eles também tiveram acordos de terça-feira para fornecer 250 para a Gol Linhas Aéreas Inteligentes através da locadora Avolon Holdings Ltd. e 25 para a empresa de helicópteros baseada em Houston Bristow Group Inc.

Marubeni poderia usar a nave para voos do setor público e de evacuação médica e conectar o centro de Tóquio com o aeroporto de Narita, evitando uma viagem de carro de até duas horas. A cidade tem mais helipontos do que qualquer outra, mas a maioria raramente é usada devido a restrições de ruído e regras governamentais.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos