Mercado fechado

Taxa de homicídios em Pernambuco cresce 18,2% durante pandemia

Recife, Pernambuco, Brazil:The most famous urban beach in Recife totally empty due to Covid- 19 quarantine

Além das mortes por coronavírus (3.784 até a última sexta-feira), o estado de Pernambuco registrou aumento de homicídios em maio de 2020. Segundo a Secretaria de Defesa Social, ocorreram 350 crimes em maio deste ano, contra 296 no mesmo mês do ano passado, crescimento de 18,2%.

A taxa de homicídios já tinha subido em abril, mesmo com as medidas de restrição de circulação impostas pelo governo para impedir a propagação do coronavírus. O governo estadual contabiliza 44.671 casos confirmados de Covid-19.

Em abril, o número de Crimes Violentos Letais Intencionais chegou a 320, aumento de 3,2% na comparação com o período anterior (310), segundo dados divulgados pela secretaria na última sexta.

Há um mês, o governo de Pernambuco restringiu a circulação de pessoas e implementou rodízio de veículos em cinco cidades: Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e São Lourenço da Serra. Os cinco municípios representam 68% dos óbitos provocados por Covid-19 no estado.

Leia também

Nos cinco primeiros meses de 2020, de acordo com o governo estadual, a taxa de homicídios cresceu 10,7% em relação aos cinco meses iniciais de 2019. Foram 1.664 assassinatos, contra 1.503 no ano passado.

O registro de feminicídios também cresceu em maio: seis casos, contra quatro em maio de 2019. No mesmo período, também houve redução de 23,51% nas denúncias de violência doméstica.

A Secretaria de Defesa Social também informou que 866 acusados de Crimes Violentos Letais Intencionais foram presos, sendo 160 capturas ocorridas em maio.