Mercado fechará em 6 h 2 min
  • BOVESPA

    128.199,12
    -1.065,84 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.181,11
    -134,58 (-0,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,68
    +0,02 (+0,03%)
     
  • OURO

    1.775,50
    -7,40 (-0,42%)
     
  • BTC-USD

    29.047,81
    -3.948,06 (-11,97%)
     
  • CMC Crypto 200

    684,39
    -109,94 (-13,84%)
     
  • S&P500

    4.220,16
    -4,63 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    33.770,49
    -106,48 (-0,31%)
     
  • FTSE

    7.081,49
    +19,20 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    28.309,76
    -179,24 (-0,63%)
     
  • NIKKEI

    28.884,13
    +873,20 (+3,12%)
     
  • NASDAQ

    14.136,00
    +6,00 (+0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9977
    +0,0224 (+0,37%)
     

AT&T fecha fusão de mídias com Discovery por US$43 bi

·2 minuto de leitura
.

Por Kenneth Li e Subrat Patnaik

(Reuters) - A AT&T, dona da HBO e da Warner Bros, e a Discovery, casa de canais de estilo de vida como HGTV e TLC, disseram nesta segunda-feira que combinarão ativos de conteúdo para um negócio de mídia e entretenimento global independente.

O presidente-executivo do Discovery, David Zaslav, liderará a nova empresa, que abrangerá um dos estúdios mais poderosos de Hollywood, incluindo as franquias Harry Potter e Batman, a rede de notícias CNN, uma programação esportiva e as atrações ​​do Discovery sobre casa, culinária, natureza e ciência.

As ações do Discovery subiram cerca de 16% no pré-mercado, enquanto as ações da AT&T subiram cerca de 4%, após o anúncio. Cerca de 71% da nova empresa pertencerá aos acionistas da AT&T, e 29% pelos investidores do Discovery.

A AT&T disse que usará os 43 bilhões de dólares obtidos com seus ativos de mídia para ajudar a pagar suas dívidas de mais de 160 bilhões de dólares.

O nome da nova empresa será revelado na próxima semana, enquanto outros detalhes, incluindo o futuro papel do presidente da WarnerMedia, Jason Kilar, e como os serviços combinados serão arranjados, ainda serão acertados, afirmaram executivos a jornalistas por meio de uma transmissão.

A decisão marca o desfecho da aquisição do conglomerado de mídia Time Warner pela AT&T, por 108,7 bilhões de dólares, em 2018, e ressalta seu reconhecimento de que a audiência da TV mudou para streaming, onde uma escala global é necessária para enfrentar empresas como Netflix e Disney.

"As oportunidades de streaming direto para o consumidor estão evoluindo rapidamente e, para manter o ritmo e manter uma posição de liderança, várias ações são necessárias - escala global, acesso a capital, uma ampla gama de conteúdo de alta qualidade e os melhores talentos da indústria", disse o executivo-chefe da AT&T, John Stankey, em coletiva de imprensa.

Combinada, a empresa gastará cerca de 20 bilhões de dólares em conteúdo, mais do que os 17 bilhões da Netflix gastará neste ano. Zaslav disse esperar que a empresa aumente seu investimento em programação no futuro.

"Embora mais detalhes ainda não tenham surgido, a combinação proposta criaria um gigante de conteúdo global, unindo os principais ativos de notícias e entretenimento da Warner Media com a rede de programação sem script líder da indústria do Discovery", disse Keith Snyder, da CFRA Research.

Espera-se que a nova empresa tenha em 2023 receita de cerca de 52 bilhões de dólares e Ebitda ajustado de ceca de 14 bilhões, e 3 bilhões de dólares em sinergias de custos anuais.

O negócio está previsto para ser fechado em meados de 2022, dependendo da aprovação dos acionistas do Discovery e de validações regulatórias.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos