Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    34.124,55
    -1.630,52 (-4,56%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.017,75
    -138,50 (-0,98%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Tóquio 2020: Sindicato dos Médicos do Japão pede cancelamento dos Jogos Olímpicos

·1 minuto de leitura
Tóquio 2020: Sindicato dos Médicos do Japão pede cancelamento dos Jogos Olímpicos
Tóquio 2020: Sindicato dos Médicos do Japão pede cancelamento dos Jogos Olímpicos

O Sindicato Nacional dos Médicos do Japão pediu ao governo japonês o cancelamento das Olimpíadas de Tóquio 2020, programadas para acontecer entre julho e agosto deste ano.

Segundo os profissionais, os jogos representam um grande risco ao país por conta de uma possível chegada e disseminação de novas variantes do vírus da Covid-19.

O documento foi enviado ao Ministério da Saúde do Japão e nele os médicos defendem que, mesmo sem público, a chegada de atletas e profissionais de imprensa do mundo inteiro aumenta muito o risco de propagação de novas cepas.

Além dos médicos, a população do Japão também está com o pé atrás em relação à realização das Olimpíadas no país. Na última semana, uma petição online ganhou força por lá. Denominada como “Impeçam a Olimpíada de Tóquio no Japão”, a petição já ultrapassou 200 mil assinaturas.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos