Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.241,63
    +892,84 (+0,74%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.458,02
    +565,74 (+1,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,35
    -0,01 (-0,02%)
     
  • OURO

    1.842,10
    +12,20 (+0,67%)
     
  • BTC-USD

    37.057,21
    +492,27 (+1,35%)
     
  • CMC Crypto 200

    725,87
    -9,27 (-1,26%)
     
  • S&P500

    3.768,25
    -27,29 (-0,72%)
     
  • DOW JONES

    30.814,26
    -177,24 (-0,57%)
     
  • FTSE

    6.720,65
    -15,06 (-0,22%)
     
  • HANG SENG

    29.274,49
    +411,72 (+1,43%)
     
  • NIKKEI

    28.618,20
    +375,99 (+1,33%)
     
  • NASDAQ

    12.883,00
    +80,75 (+0,63%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4019
    +0,0066 (+0,10%)
     

Tévez, do Boca, homenageia Maradona: 'deixarei meu coração para te fazer feliz'

·1 minuto de leitura

Amigo próximo de Diego Maradona, o atacante Carlos Tévez, do Boca Juniors, prestou uma emocionada homenagem ao ídolo argentino, morto no último dia 25 em decorrência de uma parada cardíaca. Após comemorar gol sobre o Internacional (pelas oitavas da Libertadores), na última quarta-feira, com a camisa de Diego na época de Boca, o camisa 10 xeneize foi ao Instagram na madrugada desta sexta-feira para homenagear o Pibe.

"Qualquer homenagem que eu possa fazer a você será sempre pequena perto do quão grande você é! Essa foto mostra que ainda não caiu a ficha de que você não está mais conosco: eu aponto para o céu, mas meu olhar é para o chão. Mas também sei que, onde você estiver, está me dando forças para continuar. Não sei se posso estar à altura, mas de uma coisa eu tenho certeza: deixarei meu coração pra te fazer feliz! Eu sinto falta de você, amigo", escreveu Tévez, em postagem com a foto de sua comemoração.

Maradona e Tévez atuaram juntos na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. O atacante era um dos principais jogadores da seleção argentina treinada por Diego, que parou nas quartas de final. Tévez foi um dos jogadors mais abalados no dia da morte do ídolo, quando o Boca chegou a ter a partida contra o Colorado adiada pela Conmebol.