Mercado fechará em 3 h 29 min
  • BOVESPA

    112.859,94
    -1.317,61 (-1,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    55.292,52
    +128,51 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,08
    +1,07 (+1,32%)
     
  • OURO

    1.925,00
    -5,00 (-0,26%)
     
  • BTC-USD

    23.069,28
    -68,40 (-0,30%)
     
  • CMC Crypto 200

    522,52
    +5,51 (+1,07%)
     
  • S&P500

    4.069,79
    +9,36 (+0,23%)
     
  • DOW JONES

    34.003,04
    +53,63 (+0,16%)
     
  • FTSE

    7.771,01
    +9,90 (+0,13%)
     
  • HANG SENG

    22.688,90
    +122,12 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    27.382,56
    +19,81 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.157,50
    +50,75 (+0,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5224
    +0,0027 (+0,05%)
     

Suzano lidera perdas do Ibovespa após anunciar aumento nos investimentos para 2023

Produção de papéis

(Reuters) - As ações da Suzano chegaram a recuar quase 6% nos primeiros negócios desta sexta-feira, após a maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo anunciar na véspera estimativa de investimento de 18,5 bilhões de reais para o próximo ano, acima dos 16,1 bilhões previstos para 2022.

Às 10:33, os papéis caíam 4,27%, a 50,9 reais, respondendo pelo pior desempenho do Ibovespa, que recuava 0,56%. No pior momento, as ações da empresa chegaram a 50,11 reais (-5,76%). No setor, as units de Klabin cediam 1,62%.

Para analistas do Itaú BBA, a notícia sobre o aumento dos investimentos é ligeiramente negativa, com o capex anunciado acima das previsões, principalmente por causa do acréscimo dos investimentos para o projeto Cerrado e manutenção. Ainda assim, eles reiteraram a preferência por Suzano em relação à Klabin.

A Suzano também disse nesta sexta-feira que distribuirá aos acionistas 2,35 bilhões de reais em dividendos intercalares, segundo comunicado. O pagamento ocorrerá em 27 de dezembro deste ano e terá como base a posição acionária do dia 16.

(Por Paula Arend Laier)