Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.553,85
    -373,94 (-0,35%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.961,20
    +216,28 (+0,40%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,30
    +0,48 (+0,57%)
     
  • OURO

    1.818,90
    +2,40 (+0,13%)
     
  • BTC-USD

    42.284,47
    -726,00 (-1,69%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.016,13
    -9,60 (-0,94%)
     
  • S&P500

    4.662,85
    +3,82 (+0,08%)
     
  • DOW JONES

    35.911,81
    -201,79 (-0,56%)
     
  • FTSE

    7.611,23
    +68,28 (+0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.218,03
    -165,29 (-0,68%)
     
  • NIKKEI

    28.333,52
    +209,24 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    15.559,25
    -36,50 (-0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2990
    -0,0184 (-0,29%)
     

Surto de coceira: médicos explicam o que fazer para não ter problemas após contato com mariposas

·1 min de leitura

Membros da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) descobriram que fragmentos da área abdominal de um tipo de mariposa é a causa das lesões de pele que tem provocado surto de coceira em Pernambuco. O inseto libera cerdas corporais minúsculas enquanto vooam em torno de focos de luz. Essas pequenas partes penetram profundamente na pele humana e causam uma intensa dermatite.

— A pessoa pode permanecer com coceira por até 14 dias. Observamos que essas lesões não são contagiosas e ocorrem em áreas do corpo normalmente mais expostas ou em regiões com dobras, que podem acumular cerdas — explicou ao G1 a dermatologista Cláudia Ferraz, que descobriu a causa do surto.

Como as mariposas sao atraídas pela luz, a médica recomenda que as pessoas fechem as janelas no periodo noturno, apaguem as luzes das áreas externas da casa, evitem deixar roupas estendidas à noite em locais iluminados. Além disso, ela orienta que superfícies e o chão sejam limpos com um pano úmido para evitar o contato das cerdas com a pele. Caso uma pessoa encontre uma mariposa dentro de casa, deve apagar a luz e esperar o inseto sair da residência.

— Ao entrar em contato com a cerda da mariposa, o paciente pode tomar um banho ou fazer compressas de água gelada. Em caso de coceira intensa, ele deve procurar atendimento médico.

Os casos da lesão corporal, até então misteriosa, começaram em Recife. Segundo a Secretária Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE), 485 casos foram notificados desde novembro em 17 cidades.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos