Mercado abrirá em 4 h 4 min

Surface Neo terá tela touch aprimorada e suporte para caneta, sugere patente

Felipe Ribeiro

A Microsoft está se aquecendo para lançar uma série de produtos nos próximos meses que prometem agitar o mercado mobile. Entre os produtos mais esperados estão os tão falados dispositivos de tela dupla que virão sob a batuta da linha Surface, grade de itens premium da gigante de Redmond. Essa semana, porém, uma patente vazada revela que um desses aparelhos, que deve ser o já anunciado Surface Neo, terá um sistema de tela touch aprimorado e o suporte para uso de canetas digitais.

De acordo com o documento, que foi registrado no dia 26 de novembro de 2019 e publicado nesta quinta-feira (11), vários dos problemas técnicos que envolviam as telas touch do Surface foram solucionados, como o da troca de função entre tablet e PC. Com isso o dispositivo terá uma performance melhor e mais funcionalidades.

As tecnologias divulgadas resolvem vários problemas técnicos e da experiência do usuário, aumentando a funcionalidade fornecida pelos trackpads virtuais na tela sem exigir que os usuários alternem entre os modos. Dessa forma, os usuários podem acessar a funcionalidade estendida sem interferir na funcionalidade tradicional esperada do trackpad (por exemplo, mover um cursor, clicar e rolar). Há, também, tecnologias para entrada de caneta digital sem modelagem em um trackpad virtual, gestos sem modelagem para convocar interfaces de usuário eque utilizam uma posição em relação a interfaces de usuário adjacentes, além do controle do cursor sem modelagem e interação com destinos de toque virtual", revela patente registrada pela Microsoft.

Imagem: Microsoft

A patente descreve que o trackpad virtual e a entrada da caneta e devem melhorar a experiência geral no Surface Neo. Como toda patente, é bom que levemos isso com boa dose de ceticismo.

Porém, como a Microsoft já registrou uma série de patentes relacionadas ao Surface Neo e também já o anunciou de modo oficial - embora sem previsão de lançamento -, talvez a chegada do produto possa mesmo se concretizar logo.

Fonte: Canaltech