Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.232,74
    +1.308,56 (+1,22%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.563,98
    +984,08 (+1,98%)
     
  • PETROLEO CRU

    113,82
    +3,33 (+3,01%)
     
  • OURO

    1.823,20
    +15,00 (+0,83%)
     
  • BTC-USD

    29.884,99
    -1.148,28 (-3,70%)
     
  • CMC Crypto 200

    667,04
    +424,36 (+174,87%)
     
  • S&P500

    4.008,01
    -15,88 (-0,39%)
     
  • DOW JONES

    32.223,42
    +26,76 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.464,80
    +46,65 (+0,63%)
     
  • HANG SENG

    19.950,21
    +51,44 (+0,26%)
     
  • NIKKEI

    26.547,05
    +119,40 (+0,45%)
     
  • NASDAQ

    12.233,00
    -149,75 (-1,21%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2795
    +0,0204 (+0,39%)
     

Suporte a NFTs chegar ao Instagram nesta semana

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Os tokens não fungíveis (NFTs) chegarão ao Instagram já a partir desta semana. Segundo o CEO da Meta, Mark Zuckerberg, o aplicativo deve começar a testar uma forma de o usuário exibir suas imagens nos perfis de forma autenticada.

Conforme o criador do Facebook, a integração dos tokens vai ajudar na familiarização das pessoas com o metaverso e deve ser compatível com toda a família de aplicativos da companhia. “Estamos começando a testar colecionáveis ​​digitais no Instagram para que criadores e colecionadores possam exibir seus NFTs”, explicou em uma publicação.

A ideia é levar um recurso semelhante ao Facebook em um futuro próximo, seguido pelo Messenger e WhatsApp. Uma solução em desenvolvimento permitirá que as pessoas exibam seus NFTs 3D nos Stories do Instagram com o uso da realidade aumentada. Zuckerberg ressalta que essa função será integrada ao aplicativo Spark AR e levaria as artes digitais para os "ambientes físicos".

Instagram com NFTs

O chefe do Instagram, Adam Mosseri, também fez uma publicação para esclarecer como a integração com os NFTs funcionarão. O executivo diz que as pessoas poderão compartilhar suas próprias criações ou compras no feed, Stories e mensagens diretas.

Segundo a plataforma de comercialização de criptomoedas e NFTs CoinDesk, a Meta deve permitir integração com quatro populares blockchains do mercado: Ethereum, Polygon, Solana e Flow. Nesta fase inicial, apenas um número limitado de pessoas nos Estados Unidos terá acesso aos recursos — ainda não se sabe quando os demais usuários poderão exibir suas coleções de tokens no Instagram.

Mosseri observou a ligação entre a natureza descentralizada da Web3 e a ideologia do Instagram de centralização. "Uma das razões pelas quais estamos começando pequenos é que queremos ter certeza de que podemos aprender com a comunidade. Queremos ter certeza de que podemos descobrir como adotar esses princípios de confiança e poder distribuídos, apesar de sermos uma plataforma centralizada", acrescentou.

Como vai funcionar os NFTs no Insta?

Ainda não está claro como tudo deve funcionar, mas possivelmente haverá algum botão de integração na tela de escolha do avatar com carteiras digitais. O chefe da rede social reforçou que não haverá nenhum tipo de taxa associada à postagem ou compartilhamento de um colecionável digital — diferentemente do rival Twitter, no qual apenas os assinantes do Blue têm acesso.

No anúncio, Mosseri ainda sugeriu que as blockchains e comercializadoras de tokens poderiam fornecer uma maneira nova para os criadores ganharem a vida. Também não foi revelado se a plataforma pretenderá ter um sistema de coleções, como o Twitter, ou um marketplace para comércio dos itens.

Zuckerberg pretende possibilitar futuramente a cunhagem de NFTs no aplicativo, mas isso só deve ficar para um futuro mais distante. É provável que o metaverso sonhado por ele seja baseado em tokens não fungíveis, com itens digitais e roupas para seu avatar comprados com criptomoedas, mas isso deve ficar mais para o futuro.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos