Mercado abrirá em 8 mins
  • BOVESPA

    105.069,69
    +603,69 (+0,58%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.597,29
    -330,11 (-0,65%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,17
    +1,91 (+2,88%)
     
  • OURO

    1.781,50
    -2,40 (-0,13%)
     
  • BTC-USD

    48.136,20
    -920,03 (-1,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.228,49
    -213,27 (-14,79%)
     
  • S&P500

    4.538,43
    -38,67 (-0,84%)
     
  • DOW JONES

    34.580,08
    -59,72 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.181,59
    +59,27 (+0,83%)
     
  • HANG SENG

    23.349,38
    -417,31 (-1,76%)
     
  • NIKKEI

    27.927,37
    -102,20 (-0,36%)
     
  • NASDAQ

    15.643,50
    -74,25 (-0,47%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3865
    -0,0088 (-0,14%)
     

Supermercado Extra se posiciona sobre morte de jovem em uma de suas lojas

A rede de supermercados Extra se posicionou a respeito da morte de um jovem que aconteceu na última quinta-feira, 14, em uma de suas lojas (Reprodução)
A rede de supermercados Extra se posicionou a respeito da morte de um jovem que aconteceu na última quinta-feira, 14, em uma de suas lojas (Reprodução)

A rede de supermercados Extra se posicionou a respeito da morte de um jovem que aconteceu na última quinta-feira, 14, em uma de suas lojas. Um vídeo divulgado nas redes sociais mostra um segurança do mercado em cima de um homem que aparece desacordado.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o jovem, que tinha 19 anos, foi identificado como Pedro Gonzaga. Ele sofreu uma parada respiratória, foi socorrido e levado ao hospital, mas não resistiu.

A polícia confirmou a ocorrência. “A Secretaria de Estado de Polícia Militar informa que equipes do 31º BPM (Recreio dos Bandeirantes) foram acionadas para uma ocorrência onde um homem e seguranças de um supermercado, situado na Av. das Américas, entraram em luta corporal durante a tarde desta quinta-feira (14/2)”, explica um comunicado.

Em nota, o Extra afirmou que “repudia veemente qualquer ato de violência em suas lojas” e que está investigando o caso. “Sobre o fato em questão, a empresa já abriu uma investigação interna e constatou de forma inicial que se tratou de uma reação a tentativa de furto a arma de um dos seguranças da unidade da Barra da Tijuca. Após o indivíduo ser contido pelos seguranças, a loja acionou a polícia e o socorro imediatamente. A empresa já abriu um boletim de ocorrência e está contribuindo com as autoridades para o aprofundamento das investigações”, declara a rede.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos