Mercado abrirá em 4 h 48 min
  • BOVESPA

    129.441,03
    -634,97 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,16 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,45
    +0,54 (+0,76%)
     
  • OURO

    1.860,10
    -19,50 (-1,04%)
     
  • BTC-USD

    39.535,20
    +4.196,60 (+11,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    984,99
    +43,18 (+4,58%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,40 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.162,17
    +28,11 (+0,39%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.161,80
    +213,07 (+0,74%)
     
  • NASDAQ

    14.016,25
    +22,00 (+0,16%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1908
    -0,0018 (-0,03%)
     

SumUp capta R$300 mi com FDIC para atencipar recebíveis a lojistas

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO (Reuters) - A fintech de soluções de pagamentos para microempreendedores SumUp anunciou nesta terça-feirque que concluiu a montagem de um fundo de investimento em direitos dreditórios (FIDC) de 300 milhões de reais.

Coordenada pela XP e pelo BV, o fundo tem prazo de 30 meses.

Os recursos serão usados para financiar antecipação de recebíveis de cartão de crédito para donos de pequenos negócios e profissionais autônomos.

A captação acontece meses após a SumUp ter anunciado um aporte de 225 milhões de euros (cerca de 1,3 bilhão de reais) para as operações no Brasil, de investidores incluindo Goldman Sachs, Temasek, Bain Capital, Crestline e Oaktree.

(Por Aluísio Alves)