Mercado fechará em 3 h 34 min

Sucessor do POCO C3 pode ser anunciado ainda neste mês

·2 minuto de leitura

A POCO Índia — subsidiária da Xiaomi — publicou um teaser nesta quinta-feira (23) em seu perfil no Twitter que nos dá uma dica de qual pode ser o próximo celular lançado pela marca: um possível sucessor para o Poco C3, smartphone de entrada lançado no último trimestre do ano passado.

Na publicação, a chinesa não revela muitos detalhes sobre o aparelho, apenas divulga a data de um evento no qual será apresentado o novo telefone: dia 30 de setembro, próxima quinta-feira. A marca sequer comenta o nome do modelo, apenas faz um jogo com as palavras C U Soon, referência para “see you soon”, ou “vejo você em breve”.

Com isso, é possível esperar que o anúncio seja para um sucessor do POCO C3, que foi anunciado há pouco menos de um ano, em outubro do ano passado. Quanto ao nome do modelo, não será nada estranho se a empresa decidir lançá-lo como POCO C5 e pular a nomenclatura C4, devido à grande superstição que os chineses têm com o número quatro.

Infelizmente, ainda não temos nenhum detalhe sobre as possíveis especificações do novo smartphone, mas vale relembrar que o POCO C3 foi anunciado com chipset MediaTek Helio G35, com opções de 3 ou 4 GB de memória RAM e 32 ou 64 GB de armazenamento interno. O telefone conta, ainda, com uma bateria de 5.000 mAh e um conjunto triplo para a câmera traseira, com lentes de 13 MP + 5 MP + 2 MP, enquanto um sensor de 5 MP é posicionado em um recorte em formato de gota na tela para selfies.

(Imagem: Divulgação/POCO)
(Imagem: Divulgação/POCO)

Quanto ao preço, é esperado que ele chegue ao mercado indiano por menos de 10 mil rúpias (cerca de R$ 717 em conversão direta). Para efeito de comparação, o POCO C3 é vendido por cerca 7 mil rúpias (R$ 502). A apresentação do novo celular da linha C acontece em 30 de setembro às 12h do horário local — ou 03h30 no horário de Brasília.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos