Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.342,38
    +1.674,73 (+1,57%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.828,10
    -404,10 (-0,76%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,82
    +1,39 (+1,63%)
     
  • OURO

    1.841,60
    +29,20 (+1,61%)
     
  • BTC-USD

    41.860,76
    +213,88 (+0,51%)
     
  • CMC Crypto 200

    995,50
    +0,75 (+0,08%)
     
  • S&P500

    4.566,16
    -10,95 (-0,24%)
     
  • DOW JONES

    35.221,61
    -146,86 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.589,66
    +26,11 (+0,35%)
     
  • HANG SENG

    24.127,85
    +15,07 (+0,06%)
     
  • NIKKEI

    27.467,23
    -790,02 (-2,80%)
     
  • NASDAQ

    15.196,75
    -9,25 (-0,06%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2008
    -0,1063 (-1,69%)
     

Sucesso da F-150 Lightning faz ações da Ford dispararem

·2 min de leitura

A Ford F-150 Lightning, versão 100% elétrica da icônica picape campeã de vendas da marca, agora tem sobre suas costas a honra de ter sido a responsável por “catapultar” o valor das ações da companhia na Bolsa de Valores de Nova York.

Segundo o Electrek, os papéis apresentaram alta de 4% na quinta-feira (13). Os valores superaram a barreira dos US$ 25 (R$ 138,5) e, de quebra, atingiram a maior marca dos últimos 20 anos, elevando o valor total da Ford no mercado para a casa dos US$ 100 bilhões (R$ 554,1 bilhões).

O crescimento confirma o cenário que se iniciou em 2021, ano que a montadora fechou com alta de 140%, um ritmo superior até mesmo ao da Tesla, que ficou na casa dos 50%. E boa parte dele se deve ao sucesso estrondoso da F-150 Lightning, anunciada no início de maio.

Para não deixar os clientes na mão, já que as pré-reservas das primeiras 200 mil unidades se esgotaram rapidamente, a fábrica anunciou, em comunicado oficial, que vai praticamente dobrar a produção da picape 100% elétrica em 2022.

Ford F-150 Lightning fez ações da companhia chegarem ao teto na Bolsa (Imagem: Divulgação/Ford)
Ford F-150 Lightning fez ações da companhia chegarem ao teto na Bolsa (Imagem: Divulgação/Ford)

“A Ford planeja quase dobrar a capacidade de produção da picape F-150 Lightning totalmente elétrica para 150.000 veículos por ano no Rouge Electric Vehicle Center, em Dearborn, Michigan, para atender à crescente demanda dos clientes. A realidade é clara: as pessoas estão prontas para um F-150 totalmente elétrico e a Ford está fazendo todos os esforços para dimensionar nossas operações e aumentar a capacidade de produção”, resumiu Kumar Galhotra, presidente da Ford Motor Company.

Mustang Mach-E na cola da Ford F-150 Lightning

A Ford-150 Lightning, no entanto, não é a única responsável pelas ações da companhia estarem bombando na bolsa. A picape elétrica puxou outros carros da marca movidos pelo mesmo tipo de propulsor.

Ford Mustang Mach-E também é sucesso de vendas (Imagem: Divulgação/Ford)
Ford Mustang Mach-E também é sucesso de vendas (Imagem: Divulgação/Ford)

O Mustang Mach-E, por exemplo, está com alta demanda, assim como a picape híbrida Maverick, outra novidade no portfólio da Ford. Tudo isso fez, na visão do analista de benchmark Mike Ward, a Ford disparar no mercado.

“A linha de produtos da Ford é a melhor em décadas. Os mercados na América do Norte, Europa e China estão posicionados para acelerar nos próximos 3 a 5 anos, e acreditamos que a Ford está posicionada para gerar níveis recordes de lucratividade”.

Em meio ao crescimento do mercado de elétricos, a montadora estadunidense revelou planos ambiciosos de assumir a liderança na produção de baterias para este tipo de veículo. A ideia é que nos próximos 24 meses (2 anos), a Ford tenha capacidade de fabricar baterias para 600 mil veículos elétricos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos