Mercado abrirá em 2 h 7 min

Stournaras diz que altas de juros do BCE devem ser mais graduais

.

ATENAS (Reuters) - O Banco Central Europeu (BCE) deve elevar de juros de forma mais gradual devido à desaceleração do crescimento econômico na zona do euro, disse o presidente do banco central grego, Yannis Stournaras, nesta segunda-feira.

O BCE tem aumentado os juros em seu ritmo mais rápido já registrado, mas ainda não viu a inflação da região cair para perto da meta de 2%, embora os preços tenham mostrado recuo acentuado nos últimos meses.

"Na minha opinião, o ajuste dos juros precisa ser mais gradual, levando em conta a desaceleração do crescimento da economia da zona do euro", disse Stournaras, membro do Conselho do BCE, em entrevista ao jornal grego Kathimerini.

Nesta segunda-feira, Peter Kazimir, do Banco Central da Eslováquia e autoridade do BCE, disse que a instituição da zona do euro deve realizar mais dois aumentos nos juros de 50 pontos-base cada, apesar da redução da inflação.

Economistas consultados pela Reuters esperam que o BCE eleve os juros em 50 pontos-base em cada uma das próximas duas reuniões.

(Por Karolina Tagaris)