Mercado abrirá em 2 h 38 min
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,63 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,59 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,38
    -1,59 (-2,21%)
     
  • OURO

    1.759,90
    +8,50 (+0,49%)
     
  • BTC-USD

    45.086,35
    -2.964,05 (-6,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.126,35
    -99,18 (-8,09%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,42 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.854,71
    -108,93 (-1,56%)
     
  • HANG SENG

    24.099,14
    -821,62 (-3,30%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,75 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.162,75
    -163,25 (-1,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1890
    -0,0104 (-0,17%)
     

STF rebate Bolsonaro e diz que mentira repetida mil vezes não vira verdade

·1 minuto de leitura
Estátua da Justiça em frente à sede do Supremo Tribunal Federal em Brasília

Por Ricardo Brito

BRASÍLIA (Reuters) - O Supremo Tribunal Federal (STF) divulgou nesta quarta-feira nas redes sociais um vídeo que rebate o presidente Jair Bolsonaro sobre as responsabilidades atribuídas pela Corte ao governo federal no enfrentamento à pandemia de Covid-19.

"O STF não proibiu o governo federal de agir na pandemia! Uma mentira contada mil vezes não vira verdade!", disse o STF em publicação no Twitter em alusão indireta à célebre frase de Joseph Goebbels, ministro da propaganda da Alemanha nazista de Adolf Hitler, que dizia que "uma mentira dita mil vezes torna-se verdade".

Em um vídeo que acompanha a publicação do STF, uma narradora diz que é falso que o Supremo tirou poderes do presidente para tomar decisões referentes à pandemia. Ela destaca que, na verdade, o STF decidiu que União, Estados e municípios tinham que atuar juntos para enfrentar a Covid-19.

"Não espalhe fake news! Compartilhe as verdades do STF", finaliza.

Bolsonaro tem insistentemente dito desde o ano passado que o Supremo teria retirado poderes do governo federal no enfrentamento da pandemia.

Na verdade, o STF decidiu em abril de 2020 que todos os níveis de governo têm de atuar de forma conjunta --sob a coordenação federal-- em relação às ações de enfrentamento à pandemia.

Procurado, o Palácio do Planalto não respondeu de imediato a um pedido de comentário sobre a postagem do STF.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos