Mercado abrirá em 33 mins
  • BOVESPA

    110.235,76
    +1.584,71 (+1,46%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.808,21
    +566,41 (+1,20%)
     
  • PETROLEO CRU

    93,14
    +1,21 (+1,32%)
     
  • OURO

    1.812,20
    -1,50 (-0,08%)
     
  • BTC-USD

    24.654,55
    +1.542,31 (+6,67%)
     
  • CMC Crypto 200

    583,13
    +51,91 (+9,77%)
     
  • S&P500

    4.210,24
    +87,77 (+2,13%)
     
  • DOW JONES

    33.309,51
    +535,11 (+1,63%)
     
  • FTSE

    7.478,99
    -28,12 (-0,37%)
     
  • HANG SENG

    20.082,43
    +471,59 (+2,40%)
     
  • NIKKEI

    27.819,33
    -180,63 (-0,65%)
     
  • NASDAQ

    13.472,75
    +80,75 (+0,60%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2508
    +0,0044 (+0,08%)
     

Stellantis encerra acordo de parceria com montadora chinesa

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

PARIS (Reuters) - A Stellantis e a Guangzhou Automobile Group decidiram encerrar uma joint-venture que produz veículos Jeep na China, disseram as montadoras nesta segunda-feira.

A reviravolta ocorre após a GAG repreender a quarta maior montadora de veículos do mundo em janeiro por anunciar planos de aumentar participação de 50% para 75%, afirmando que as duas partes ainda não tinham assinado acordo formal.

"Chegamos à conclusão de que era melhor fechar a joint-venture", disse um porta-voz da Stellantis, acrescentando que a montadora ainda pode operar na China por meio de sua rede de concessionárias.

A montadora chinesa confirmou em comunicado que as duas empresas estavam negociando como encerrar o negócio após anos de prejuízos.

Em seu plano de negócios para 2030 divulgado em março, a Stellantis disse que adotaria um modelo de negócios "leve em ativos" na China, ainda com o objetivo de aumentar a receita, mas por meio de importações em vez de produção doméstica.

“A marca Jeep continuará a fortalecer sua oferta de produtos na China com uma linha eletrificada aprimorada de veículos importados”, disse Stellantis.

A Stellantis pretende que a receita na China atinja 20 bilhões de euros até 2030, totalizando 7% da receita total esperada - um salto em relação aos 3,9 bilhões de euros de faturamento na China, Índia e Ásia-Pacífico em 2021.

O empreendimento da GAG, que teve uma queda de 50% nas vendas no ano passado, fechou uma fábrica em março e encerrou joint-venture com a Dongfeng devido a excesso de capacidade.

(Por Tassilo Hummel, Giulio Piovaccari, Victoria Waldersee e Zoey Zhang)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos