Mercado fechado

Startup brasileira quer substituir corretor em vendas de imóveis

FILIPE OLIVEIRA
Foto: Getty

Uma nova startup do setor imobiliário chegou ao mercado com o discurso de que quer assumir as atividades realizadas pelos corretores.

SIGA O YAHOO FINANÇAS NO INSTAGRAM

Criada pelo executivo Luciano Amado, com 18 anos de trabalho nessa área, a Hubbers propõe trocar a comissão paga aos profissionais por uma mensalidade paga a ela pelos clientes que anunciam seus imóveis para venda.

Leia também

O preço varia de R$ 128 a R$ 198 por mês. Se a venda acontecer em até 90 dias, o cliente paga seis mensalidades.

A startup faz fotos do imóvel cadastrado para que interessados possam conhecê-lo virtualmente. Também estimula a interação direta entre proprietário e comprador e a assinatura da proposta de venda digitalmente.

A empresa busca dar sugestões de preços para os imóveis usando ferramenta de inteligência artificial que analisa propostas anunciadas na internet. “Queremos dar autonomia ao cliente.”

Amado diz que, de sua experiência como dono de imobiliária, ficou a percepção de que, na maioria das vezes, a relação entre clientes e corretores é ruim. Por isso, as pessoas não veriam razão em pagar 6% do valor das vendas para eles.

A proposta da empresa lembra a do Quinto Andar, startup que já recebeu mais de R$ 250 milhões em investimento.

O empresário diz que, mesmo havendo outra empresa no setor muito bem capitalizada, há espaço para a Hubbers pelo fato de elas trabalharem em segmentos diferentes - o Quinto Andar é especializado em aluguel.

Além disso, o Quinto Andar trabalha com uma rede de corretores parceiros para trazer imóveis e cobra comissão após o aluguel. O mais próximo que a Hubbers fará disso será parceria com licenciados - pessoas que trazem imóveis pela plataforma e ficam com 15% da mensalidade paga pelos anunciantes.

Com operação lançada neste semestre, a Hubbers tem cerca de 200 imóveis cadastrados.

A startup começou com investimento próprio do sócio. Mais tarde, Amado captou R$ 800 mil de investidores para expandir seu negócio. Ele busca mais recursos para aplicar na divulgação de seu serviço.