Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.057,22
    -1.202,27 (-0,93%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.202,80
    -376,30 (-0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,96
    -0,08 (-0,11%)
     
  • OURO

    1.777,50
    +2,70 (+0,15%)
     
  • BTC-USD

    38.122,42
    -504,89 (-1,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    948,84
    -21,03 (-2,17%)
     
  • S&P500

    4.221,86
    -1,84 (-0,04%)
     
  • DOW JONES

    33.823,45
    -210,22 (-0,62%)
     
  • FTSE

    7.153,43
    -31,52 (-0,44%)
     
  • HANG SENG

    28.558,59
    +121,75 (+0,43%)
     
  • NIKKEI

    29.018,33
    0,00 (0,00%)
     
  • NASDAQ

    14.178,00
    +12,50 (+0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9850
    +0,0225 (+0,38%)
     

Startup japonesa ispace revela detalhes de nave que enviará à Lua em 2022

·2 minuto de leitura

Na quinta-feira (30), a startup japonesa ispace revelou o design final do módulo de pouso HAKUTO-R. Se tudo correr conforme o planejado, o lander deverá pousar na Lua em 2022. A missão estava planejada para outubro de 2021, mas acabou sofrendo um pequeno atraso no cronograma.

O HAKUTO-2 mede pouco mais de 2 m de altura e largura, contando com uma câmera de resolução 4K que irá registrar imagens coloridas ao longo da missão. Além disso, o lander tem também tanques de combustível para armazenar seus propulsores e carregará painéis solares que irão gerar energia, bem como equipamentos de aterrissagem e, por fim, compartimentos de carga útil, que poderão carregar quase 30 kg de experimentos e outros materiais.

Confira a apresentação do HAKUTO-2 no vídeo abaixo:

Assim, em 2022, o lander HAKUTO-2 será lançado por um foguete Falcon 9, da SpaceX, e carregará cargas úteis comerciais junto de equipamentos para experimentos científicos em solo lunar. Essa será a primeira missão de pouso lunar liderada por uma empresa privada japonesa.

A ispace já planeja uma próxima missão para 2023: nesta, um pequeno rover explorará a superfície lunar para coletar informações. Já na terceira missão e demais que estão por vir, a startup pretende aumentar a frequência de pousos lunares e missões com rovers para transportar cargas úteis comerciais ao nosso satélite natural.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos