Mercado abrirá em 9 h 54 min
  • BOVESPA

    106.667,66
    +293,79 (+0,28%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.232,20
    -741,07 (-1,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,89
    +1,46 (+1,71%)
     
  • OURO

    1.812,80
    +0,40 (+0,02%)
     
  • BTC-USD

    42.412,96
    +154,55 (+0,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.011,01
    +1,62 (+0,16%)
     
  • S&P500

    4.577,11
    -85,74 (-1,84%)
     
  • DOW JONES

    35.368,47
    -543,34 (-1,51%)
     
  • FTSE

    7.563,55
    -47,68 (-0,63%)
     
  • HANG SENG

    24.147,92
    +35,14 (+0,15%)
     
  • NIKKEI

    27.768,24
    -489,01 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    15.168,50
    -37,50 (-0,25%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3098
    +0,0027 (+0,04%)
     

Startup brasileira CRM&Bonus abre operação no México

·2 min de leitura

(Bloomberg) -- A startup brasileira de giftback CRM&Bonus, que tem o SoftBank como um dos seus investidores e atende varejistas como a Arezzo&Co, está expandindo suas atividades para além do Brasil. A companhia está abrindo um novo escritório no México em janeiro, dando início a um processo de internacionalização que prevê investimentos de US$ 3 milhões no próximo ano.

Most Read from Bloomberg

O país latino-americano foi escolhido por ser “muito semelhante ao Brasil e já com uma cultura de giftback”, disse em entrevista o fundador e CEO da companhia, Alexandre Zolko.

No Brasil, 20% dos clientes que recebem bônus em suas compras no varejo gastam cinco vezes o valor recebido, segundo ele.

O escritório do México começará com uma equipe de 13 pessoas e com a expectativa de atender 3.000 lojas até o final de 2022.

A startup pretende avançar na internacionalização no próximo ano, com escritórios em outros cinco países e clientes em mais de 10. “Nossa ideia é finalizar 2022 com mais de 10% da receita da companhia, algo em torno de US$ 3 milhões anual, vinda de fora, e imaginamos 2023 a 50%-50%”, afirmou Zolko.

A empresa planeja utilizar o exemplo do México como base para decidir os próximos países. Por enquanto, monitora a ideia de construir pelo menos mais dois escritórios em países da América Latina e cita como potenciais escolhas a Colômbia e o Chile, além de obter presença nos Estados Unidos e na Europa.

Para o Brasil, a companhia quadruplicou o tamanho do escritório e pretende até 2022 aumentar o quadro de funcionários para 160, dos atuais cerca de 50.

Recentemente, a CRM&B recebeu R$ 280 milhões em aporte do SoftBank, Riverwood Capital, Igah Ventures e Volpe Capital. A operação avaliou a companhia em R$ 1 bilhão.

Parte dos recursos captados nessa rodada deverão ser utilizados em aquisições, disse Zolko. Sem citar nomes, o CEO afirmou que a empresa está olhando para aquisições que possam complementar o serviço já prestado.

“Estamos analisando frentes de negócios que possam gerar mais valor aos lojistas que nós atendemos.”

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos