Mercado fechado

Spotify permite que mais artistas adicionem vídeos às suas músicas

Natalie Rosa

Disponível há algum tempo em versão para testes no Spotify, o Canvas permite que artistas criem vídeos personalizados para que sejam exibidos enquanto suas músicas são reproduzidas no app. Até então, a funcionalidade estava limitada a apenas alguns nomes da música, mas agora será expandida.

Com a medida, novos títulos devem começar a contar com vídeos em looping durante a reprodução, trazendo uma experiência mais divertida ao usuário. A repercussão, no entanto, é um pouco dividida. Enquanto alguns acham a ideia interessante, outros preferem visualizar apenas a capa do álbum ou acham ainda que o vídeo traz muita distração.

A solução, então, cabe à equipe do artista, que pode criar vídeos harmoniosos e que permitam ao usuário continuar visualizando informações sobre o músico/banda, a faixa e o álbum. O Spotify só permite vídeos de três a oito segundos de duração.

Uma das artistas que vem trabalhando bastante com o recurso é a Billie Eilish, que costuma usar o Canvas para compartilhar artes de seus fãs.

Imagem: Captura de tela/Canaltech

Em declaração oficial, a plataforma de streaming afirmou que tem o objetivo de fazer com que o Canvas faça parte de uma estratégia dos artistas para a divulgação. "É uma forma de ser notado e construir uma visão — e também uma excelente maneira de compartilhar quem você é com seus ouvintes, possivelmente os transformando em fãs", diz a nota.

Artistas que estão interessados em participar do Canvas podem fazer a sua inscrição, que precisa ser aprovada, no site oficial.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: