Mercado abrirá em 5 h 58 min
  • BOVESPA

    109.951,49
    +2.121,77 (+1,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.125,01
    -210,50 (-0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,55
    +0,08 (+0,10%)
     
  • OURO

    1.878,50
    +1,10 (+0,06%)
     
  • BTC-USD

    22.615,75
    -617,67 (-2,66%)
     
  • CMC Crypto 200

    520,88
    -16,01 (-2,98%)
     
  • S&P500

    4.117,86
    -46,14 (-1,11%)
     
  • DOW JONES

    33.949,01
    -207,68 (-0,61%)
     
  • FTSE

    7.885,17
    +20,46 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    21.529,49
    +245,97 (+1,16%)
     
  • NIKKEI

    27.586,61
    -19,85 (-0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.601,25
    +56,00 (+0,45%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5769
    +0,0095 (+0,17%)
     

SpaceX lançará 1º veículo de transferência orbital da Impulse Space

A Impulse Space anunciou que planeja lançar Mira, seu primeiro veículo de transferência orbital, ainda neste ano em sua primeira missão orbital. O veículo segue em desenvolvimento no momento e deve ser lançado pela SpaceX por meio da missão Transporter-9, programada para o fim de 2023, e testará a entrega da carga útil a bordo, manobras a baixa altitude e mais.

Barry Matsumori, diretor de operações na empresa, explicou que a Impulse Space vem notando aumento na demanda por serviços de transporte orbitais. “O mercado para clientes para transferências da órbita baixa da Terra ou outras transferências orbitais está se desenvolvendo a quase o mesmo ritmo que os recursos de transportes espaciais”, disse.

Pensando nisso, a empresa vem trabalhando na missão “LEO Express-1”, que deverá usar o veículo e terá uma cada útil primária, vinda de um cliente confidencial — mas outras cargas úteis podem ser acomodadas na missão. Por enquanto, o Mira é apenas o primeiro de uma série de veículos que a empresa vem desenvolvendo.

A Impulse Space quer lançar seu primeiro veículo de transferência orbital ainda em 2023 (Imagem: Reprodução/Impulse Space)
A Impulse Space quer lançar seu primeiro veículo de transferência orbital ainda em 2023 (Imagem: Reprodução/Impulse Space)

Segundo ele, o perfil da missão ainda está sendo finalizado, mas o veículo poderá aumentar sua órbita após algumas implantações iniciais. Depois, ele poderá reduzi-la para demonstrar seu funcionamento na órbita extremamente baixa da Terra, a cerca de 300 km de altitude. As versões futuras podem colocar cargas úteis em órbitas de transferência geoestacionária, ou até realizar inserções diretas nesta órbita.

Já a performance do Mira vai depender da carga útil levada: para Matsumori, o veículo pode alcançar até 1.000 m/s de mudança em sua velocidade com uma carga útil de 300 kg, enquanto seu sistema de propulsão alcançou a marca de mais de mil segundos de funcionamento.

Os demais elementos do veículo estão em desenvolvimento, mas a empresa já tem planos para novas missões em 2024. Para ele, o diferencial da Impulse Space estará na performance oferecida aos clientes. “Estamos exatamente no máximo da capacidade dos veículos”, finalizou.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: